Artigos, Variedades

Stephen King pede que a histeria com palhaços termine

Criador do palhaço Pennywise se manifestou novamente sobre os incidentes, agora através do Twitter

Stephen King (3)Em 1986, Stephen King criou Pennywise, o palhaço que aterroriza as crianças em It e que segue assustando leitores até hoje. Mas, com a febre dos palhaços que começaram a aparecer nos Estados Unidos e já foram vistos no Reino Unido, na Austrália e no Brasil, o escritor se manifestou mais uma vez e publicou um comentário em seu Twitter pedindo às pessoas que se acalmem.

“Ei, pessoal, é hora de parar com a histeria com palhaços – a maior parte deles é legal, anima as crianças, faz as pessoas rirem”, escreveu King. Uma das respostas, porém, reflete o que muitos de vocês devem estar pensando: “Isso é exatamente o que Pennywise diria se ele tivesse sequestrado sua conta, ‘Stephen’”.

Pennywise foi interpretado por Tim Curry na minissérie baseada no livro de King, em 1990. O remake para os cinemas será lançado em setembro do ano que vem, com Bill Skarsgård no papel do palhaço. Cogitou-se que as aparições de palhaços pudesse ser uma jogada de marketing para o filme, mas esta hipótese parece ter sido descartada.

Leia também:

1 Comentário

  1. caio campos

    Fico ligeiramente aflito (ou: com cagaço) com essa história dos palhaços.
    Sei lá… A humanidade já anda tão maníaca/frenética que as vezes me parece que falta apenas um gatilho de algo pior.
    Espero que esses palhaços não sejam o gatilho.

    Obs.: A menos que, de fato, isso tudo não seja uma jogada de marketing (de mal gosto? Talvez), o Stephen está assumindo uma responsabilidade grande demais ao pedir a calma das pessoas dessa maneira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *