Artigos

Editorial 2016 #13: ReTERRORspectiva 2016

Um resumo do que aconteceu de mais importante para o gênero e para o Boca do Inferno em 2016, além da seleção dos melhores filmes do ano!

Nos últimos suspiros de 2015, na nossa tradicional ReTerrorspectiva, avaliamos o ano como ruim em todos os sentidos. Conturbado na política e economia, na despedida de grandes nomes do gênero (Christopher Lee e Wes Craven), e ainda pior no Cinema de Horror, com estreias ruins para quem gosta de ter medo. 2016 foi quase uma refilmagem do ano anterior, mas um pouco pior, se pensar nos problemas sociais e nos destaques do gênero. Foi tão sem sentido quanto Cabana do Inferno, de Travis Zariwny, e impressionantemente ruim como Floresta Maldita, além de arrastado e lento como a primeira parte da 7ª temporada de The Walking Dead. Mas, por outro lado, o ano foi marcado pela quantidade elevada de estreias de horror nos cinemas brasileiros, pelo retorno do festival CineFantasy, pela terceira edição do Festival Boca do Inferno e, claro, pelo lançamento do primeiro livro do site, a enciclopédia Medo de Palhaço.

E o ano até começou a mil. Logo nos primeiros dias, um trailer explodiu a internet. Feito às escondidas, Rua Cloverfield, 10 seria ambientado no mesmo universo de Cloverfield: Monstro, e o elenco, composto por John Goodman, Mary Elizabeth Winstead e John Gallagher Jr., prometia um thriller claustrofóbico, com elementos de ficção científica. O filme chegou aos cinemas em 7 de abril, cumprindo as expectativas e agradando boa parte da crítica. Mas, antes da sua chegada às telas grandes, uma outra produção roubou os holofotes do semestre: A Bruxa, que estacionou sua vassoura nos cinemas em 3 de março. Mas, não foi o seu terror satânico e atmosférico que chamou a atenção dos espectadores brasileiros, mas um artigo publicado no Boca do Inferno.

Não Vá Ver a Bruxa no Cinema foi mais do que uma sentença de alerta para os fãs de horror, mas um texto que se tornou viral e tema de inúmeras postagens em sites de cultura pop. “Assustado crítico pede que ninguém vá assistir ao filme A Bruxa“! Na verdade, o objetivo era apenas mostrar que o filme poderia não agradar a todos os públicos, como aqueles que gostam de sustos sonoros e monstros por todos os lados. O longa, que deu fama ao cineasta Robert Eggers, antecipou a estreia de outro drama psicológico, com elementos de terror: Boa Noite, Mamãe, que despontou nos cinemas em 10 de março. Foi uma passagem discreta, porém mostrou que o gênero não precisa apelar para causar desconforto. No mesmo mês, a Darkside Books realizou um evento no Z Carniceria, em SP, para anunciar os lançamentos de 2016, com a presença da Luka, da 89 FM, do João Gordo, e do Boca do Inferno.

Em maio, o Boca do Inferno completou 15 anos de existência, com uma mega-promoção, com livros da Darkside e DVDs da Versátil e A2 Filmes: Meus 15 Anos com o Boca do Inferno, que teve a seleção de três vídeos com infernautas mostrando todo o carinho que sentem pelo site mais antigo de terror mais antigo e de maior conteúdo do Brasil. Nesse mês também aconteceu o tradicional Fantaspoa, em sua 12ª edição, com presenças ilustres e a exibição de curtas e longas de ficção, fantasia e horror! Nesse mesmo período, foi oficialmente anunciado o retorno do CineFantasy, umas das melhores vitrines do cinema independente, com a realização em setembro. Foram mais de 900 inscritos, tendo o Boca do Inferno como júri, participando de todas as sessões. Além das exposições de horror, teve uma caça ao Pokèmon pelas cidades de São Paulo e uma festa com a temática Stranger Things – a série que chegou a Netflix na metade do ano e surpreendeu a todos com suas inúmeras referências aos anos 80 em uma história divertida e bem feita, idealizada por Matt Duffer e Ross Duffer.

Também vale menção, no primeiro semestre, a aparição do vilão Negan na série The Walking Dead, no episódio final da sexta temporada com um dos maiores cliffhangers da história da TV. Pena que toda a ansiedade proposta para o início da temporada foi diminuída com momentos lentos e que não conduziram a série para lugar algum. Diferente da elogiada American Horror Story, que conseguiu se reinventar ao ousar em uma nova proposta narrativa, resgatando as melhores temporadas. Também foram bem conceituadas em 2016 a continuação de O Exorcista, que analisamos episódio por episódio, e a segunda temporada de Ash Vs Evil Dead. E Supermax? A divisora de águas da TV teve, em geral, um bom tratamento técnico, embora alguns detalhes não permitiram que ela figurasse entre os melhores momentos do ano.

Aliás, por falar em “melhores do ano“, havia muita expectativa pela estreia de Invocação do Mal 2 no Brasil. Uma grande divulgação foi feita, até mesmo em uma divertida pré-estreia, e o filme não fez feio nas bilheterias, embora tenha sido um pouco inferior ao primeiro. Uma mistura de romantismo, Elvis e uma assombração vingativa, o longa de James Wan trouxe arrepios em excelentes atuações, e mostrou que o gênero ainda pode ser pop sem prejudicar a sua essência. E é possível levar à reflexão, criando debates sobre refilmagens e o machismo na Sétima Arte. Foi assim a polêmica em relação à estreia de Caça-Fantasmas, que substituiu os homens por uma equipe feminina, levando muita gente a questionar se o problema do filme está no elenco ou no seu enredo infantiloide.

Em agosto, enquanto José Mojica Marins recebia uma homenagem em Gramado pela contribuição ao Cinema, a tela grande começava a ferver com uma sequência intensa de estreias, sem que o público pudesse se preparar para acompanhar o gênero. Quando as Luzes se Apagam (18/08), Águas Rasas (25/08), O Sono da Morte (01/09), O Homem nas Trevas (08/09), Bruxa de Blair (15/09) nem deram tempo do infernauta decidir onde investir seu dinheiro. Em outubro, continuou com A Maldição da Floresta (06/10), Lâminas da Morte (06/10), 12 Horas Para Sobreviver – O Ano da Eleição (06/10), Ouija – Origem do Mal (20/10). Com o excesso de estreias, não é de se estranhar que os filmes tenham sido mal lançados, ficando pouco mais de uma semana em cartaz.

O mês do Halloween foi marcado pela participação do Boca do Inferno em duas edições do programa Todo Seu, da TV Gazeta, para apontar Os 5 Melhores Filmes de Horror de Todos os Tempos e As 5 Melhores Séries. Foi divertido levar o site para a TV para comentar o gênero! Mas, o grande episódio de 2016, o clímax ocorreu em novembro com a realização do Festival Boca do Inferno 3, pela primeira vez na Oficinal Oswald de Andrade, e o lançamento oficial do livro Medo de Palhaço, coincidindo com a febre do avistamento de palhaços pela América e até mesmo no Brasil. A Enciclopédia Definitiva sobre a Coulrofobia chegou às livrarias, tanto físicas quanto virtuais, e foi destaque em uma belíssima reportagem no Diário de Pernambuco. Participamos de uma reportagem do programa Metrópolis, na TV Cultura, e ainda fomos entrevistados pela Rádio Estadão para comentar a obra.

Apesar do ano ter sido proveitoso para o Boca do Inferno, que ainda inaugurou seções como Dissecando o Medo, Trailer Review e Sebo do Horror e teve a estreia das resenhas de Games, a crise financeira em estado alarmante, a queda do avião da Chapecoense e a morte de astros da música como David Bowie, Prince e George Michael deixaram uma profunda marca em 2016. Muitos outros partiram com o trio, como George Kennedy, Robin Hardy, Anton Yelchin, Gene Wilder e as recentes Carrie Fisher e Debbie Reynolds

Com tantos dramas e sustos, o ano deixa uma sensação pessimista para uma continuação em 2017. Que não seja tão ruim quanto Esquadrão Suicida, e nem tão descartável quanto o remake de Martyrs e boa parte da filmografia da Asylum. Inovador como A Bruxa e tão ousado quanto Invasão Zumbi, uma produção que honre as expectativas e seja ao menos divertida!

Nos Cinemas em 2016

O spinoff do Boca do Inferno, o blog Infernotícias, catalogou mais uma vez as produções de horror, Ficção Científica, Suspense e Fantasia que estrearam nos cinemas brasileiros em 2016. Ainda que a lista não esteja completa, com 56 filmes, é possível ter uma noção do que passou pela tela grande durante o ano. Conseguiu ver algum destes?

* A 5ª Onda (The 5th Wave, EUA, 2016) – estreou em 21/01/16 (ficção científica)
* Deadpool (EUA / Canadá, 2016) – estreou em 11/02/16 (ação com elementos de ficção científica)
* Boneco do Mal (The Boy, EUA / Canadá / China, 2016) – estreou em 18/02/16 (horror)
* Orgulho e Preconceito e Zumbis (Pride and Prejudice and Zombies, EUA / Inglaterra, 2016) – estreou em 25/02/16 (horror)
* Deuses do Egito (Gods of Egypt, EUA / Austrália, 2016) – estreou em 25/02/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Presságios de Um Crime (Solace, EUA, 2015) – estreou em 25/02/16 (thriller)
* A Bruxa (The Witch, EUA / Canadá / Inglaterra / Brasil, 2015) – estreou em 03/03/16 (horror)
* Boa Noite, Mamãe (Ich seh ich seh, Áustria, 2014) – estreou em 10/03/16 (thriller)
* A Série Divergente: Convergente (The Divergent Series: Allegiant, EUA, 2016) – estreou em 10/03/16 (ficção científica)
* Mundo Cão (Brasil, 2016) – estreou em 17/03/16 (thriller)
* Batman vs. Superman: A Origem da Justiça (Batman vs. Superman: Dawn of Justice, EUA, 2016) – estreou em 24/03/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Visões do Passado (Backtrack, Austrália, 2015) – estreou em 31/03/16 (thriller)
* Rua Cloverfield, 10 (10 Cloverfield Lane, EUA, 2016) – estreou em 07/04/16 (horror)
* Mogli: O Menino Lobo (The Jungle Book, EUA, 2016) – estreou em 14/04/16 (aventura com elementos de fantasia)
* O Escaravelho do Diabo (Brasil, 2016) – estreou em 14/04/16 (thriller)
* Mente Criminosa (Criminal, EUA / Inglaterra, 2016) – estreou em 14/04/16 (thriller com elementos de FC)
* O Caçador e a Rainha do Gelo (Huntsman: Winter´s War, EUA, 2016) – estreou em 21/04/16 (aventura com elementos de fantasia)
* No Mundo da Lua (Atrapa la Bandera / Capture the Flag, Espanha, 2015) – estreou em 21/04/16 (animação com elementos de FC)
* Capitão América: Guerra Civil (Captain America: Civil War, EUA, 2016) – estreou em 28/04/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Martyrs (EUA, 2015) – estreou em 05/05/16 (horror)
* O Conto dos Contos (Il Racconto dei Racconti / Tale of Tales, Itália / França / Inglaterra, 2015) – estreou em 12/05/16 (fantasia)
* X-Men: Apocalipse (X-Men: Apocalypse, EUA, 2016) – estreou em 19/05/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Alice Através do Espelho (Alice Through the Looking Glass, EUA, 2016) – estreou em 26/05/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Warcraft – O Primeiro Encontro de Dois Mundos (EUA, 2016) – estreou em 02/06/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Invocação do Mal 2 (The Conjuring 2, EUA, 2016) – estreou em 09/06/16 (horror)
* As Tartarugas Ninja: Fora das Sombras (Teenage Mutant Ninja Turtles: Out of the Shadows, EUA, 2016) – estreou em 16/06/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Independence Day: O Ressurgimento (Independence Day: Resurgence, EUA, 2016) – estreou em 23/06/16 (ficção centífica)
* Caça-Fantasmas (Ghostbusters, EUA, 2016) – estreou em 14/07/16 (comédia com elementos de horror)
* A Última Premonição (Visions, EUA, 2015) – estreou em 14/07/16 (horror)
* Batman: A Piada Mortal (Batman: The Killing Joke, EUA, 2016) – estreou em 21/07/16 (animação com elementos de fantasia)
* O Bom Gigante Amigo (The BFG, EUA / Canadá / Inglaterra, 2016) – estreou em 28/07/16 (aventura com elementos de fantasia)
* O Diabo Mora Aqui (The Fostering, Brasil, 2015) – estreou em 28/07/16 (horror)
* Esquadrão Suicida (Suicide Squad, EUA, 2016) – estreou em 04/08/16 (ação com elementos de fantasia)
* Quando as Luzes se Apagam (Lights Out, EUA, 2016) – estreou em 18/08/16 (horror)
* Águas Rasas (The Shallows, EUA, 2016) – estreou em 25/08/16 (horror)
* Sono da Morte, O (Before I Wake, EUA, 2016) – estreou em 01/09/16 (horror)
* Star Trek: Sem Fronteiras (Star Trek Beyond, EUA, 2016) – estreou em 01/09/16 (ficção científica)
* O Homem nas Trevas (Don´t Breathe, EUA, 2016) – estreou em 08/09/16 (horror)
* Bruxa de Blair (Blair Witch, EUA, 2016) – estreou em 15/09/16 (horror)
* O Silêncio do Céu (Brasil, 2016) – estreou em 22/09/16 (thriller)
* O Lar das Crianças Peculiares (Miss Peregrine´s Home for Peculiar Children, EUA / Inglaterra / Bélgica, 2016) – estreou em 29/09/16 (aventura com elementos de fantasia)
* Meu amigo, o Dragão (Pete´s Dragon, EUA, 2016) – estreou em 29/09/16 (aventura com elementos de fantasia)
* A Maldição da Floresta (The Hallow, EUA / Inglaterra / Irlanda, 2015) – estreou em 06/10/16 (horror)
* Lâminas da Morte – A Maldição de Jack, o Estripador (Razors: The Return of Jack the Ripper, Inglaterra, 2016) – estreou em 06/10/16 (horror)
* 12 Horas Para Sobreviver – O Ano da Eleição (The Purge: Election Year, EUA / França, 2016) – estreou em 06/10/16 (horror com elementos de ficção científica)
* Inferno (EUA / Japão / Turquia / Hungria, 2016) – estreou em 13/10/16 (thriller)
* Ouija – Origem do Mal (Ouija – Origin of Evil, EUA, 2016) – estreou em 20/10/16 (horror)
* A Garota no Trem (The Girl on the Trasin, EUA, 2016) – estreou em 27/10/16 (thriller)
* Doutor Estranho (Doctor Strange, EUA, 2016) – estreou em 02/11/16 (ação com elementos de fantasia)
* Através da Sombra (Brasil, 2015) – estreou em 10/11/16 (horror)
* Animais Fantásticos e Onde Habitam (Fantastic Beasts and Where to Find Them, EUA / Inglaterra, 2016) – estreou em 17/11/16 (aventura com elementos de fantasia)
* A Chegada (Arrival, EUA, 2016) – estreou em 24/11/16 (ficção científica)
* O Quarto dos Esquecidos (The Disappointments Room, EUA, 2016) – estreou em 24/11/16 (horror)
* Anjos da Noite: Guerras de Sangue (Underworld: Blood Wars, EUA, 2016) – estreou em 01/12/16 (horror)
* Rogue One: Uma História Star Wars (Rogue One: A Star Wars Story, EUA, 2016) – estreou em 15/12/16 (ficção científica)
* Invasão Zumbi (Busanhaeng / Train to Busan, Coréia do Sul, 2016) – estreou em 29/12/16 (horror)

Os Melhores e Piores de 2016

Repetindo o que foi feito em 2015, cada colaborador ficou responsável por um tema para se dedicar às resenhas e artigos. Com base nas estreias nos cinemas, nas produções disponíveis na Netflix e nas lançadas em DVD no Brasil, pedimos que cada um apontasse os melhores e piores filmes e séries de 2016. Alguns autores farão textos com comentários sobre as escolhas, os demais indicaram suas opções abaixo. Note que quase não houve unanimidade, com as diferenças bastante claras nas opções.

CATEGORIA DENTISTA (filmes lançados no Brasil em 2016)

Boca sorridente (o filme mais divertido do ano): Terror nos Bastidores (Laura, Paulo e Luana); Invasão Zumbi (Daniel e Rodrigo e Silvana); DeadPool (Filipe e Marcus); As Fábulas Negras (Iam); Hardcore Henry (Samuel); Patchwork (Bruna); Dois Caras Legais (Leandro)

Desbocado (filme mais violento, sangrento e ousado que você viu): Baskin (Daniel, Luana e Silvana); Sala Verde (Laura); Embaraço – Menção Honrosa para German Angst (Paulo); Boa Noite, Mamãe (Iam); The Autopsy of Jane Doe (Rodrigo); White God (Filipe); Yakuza Apocalypse (Samuel); Festa da Salsicha (Marcus); Águas Rasas (Bruna); O Demônio de Neon (Leandro)

Boca Aberta (aquele que te surpreendeu…positiva ou negativamente): Hush – A Morte Ouve (neg. Laura) e O Convite (pos. Laura); The Piper (Paulo); A Bruxa (pos. Iam); Rua Cloverfield 10 (neg. Iam); The Autopsy of Jane Doe (pos. Daniel e Silvana); Invasão Zumbi (pos. Luana); Hush – A Morte Ouve (neg. Luana); Rua Cloverfield, 10 (pos. Rodrigo); Hush – A Morte Ouve (pos. Filipe); O Demônio de Neon (pos. Samuel); Águas Rasas (pos. Marcus); O Homem nas Trevas (negat. Marcus); Através da Sombra (Neg. Bruna); Bruxa de Blair (pos. Leandro)

Bocarra (o melhor filme de 2016): A Bruxa (Paulo, Daniel, Luana, Rodrigo; Filipe, Silvana e Bruna); Terror nos Bastidores (Laura); Invasão Zumbi (Iam); A Criada (Samuel); Menção Honrosa: A Criada (Luana); Rua Cloverfield 10 (Marcus); Elle (Leandro)

Boca Banguela (o pior filme de 2016): O Boneco do Mal (Iam e Rodrigo); Floresta Maldita (Rodrigo e Silvana); Bruxa de Blair (Filipe e Samuel); Cabana do Inferno (Marcus e Bruna); Fear, Inc (Laura); O Demônio de Neon (Paulo); Lake Eerie (Daniel); Hush: a morte ouve (Luana); O Escaravelho do Diabo (Leandro); Menção Desonrosa: O Caseiro (Leandro)

CATEGORIA TRATAMENTO DE CANAL (séries e TV)

Dente de Ouro (melhor série, minissérie ou filme para a TV): Stranger Things (Iam e Luana e Filipe); AHS: Roanoke (Daniel e Bruna); Westworld (Rodrigo e Samuel); 2ª temporada de Scream (Laura); Ash vs. Evil Dead (Silvana); House of Cards (Leandro)

Dente Amarelo (pior série, minissérie ou filme para a TV): 7ª temporada de The Walking Dead (Filipe e Samuel e Silvana); Zoombies (Iam); Damien (Daniel); Preacher (Rodrigo); Scream Queens – 2ª Temporada (Bruna); Supermax (Leandro); Menção Desonrosa: 3%

CATEGORIA CÁRIE, A ESTRANHA (categoria específica para o tema que você se dedicou em 2016, podendo incluir filmes de qualquer época):

Coroa (melhor filme/notícia que você analisou/pesquisou): Entrevista com Fede Alvarez sobre o lançamento de O Homem nas Trevas (Laura); Torso (Paulo); Wekufe_El Origen del Mal (Iam); A Maldição de Ju-On – Parte 1 (Daniel); A Criada (Luana); O Despertar de Cthulhu em Quadrinhos (Rodrigo); Caça Fantasmas: Piscou, perdeu (Filipe); Doom (Samuel); Enigma do Outro Mundo (Marcus); lançamento da novelização de Labirinto pela DarkSide Books (Silvana); Mais indícios de que Brinquedo Assassino 7 vem aí (Bruna)

Gengivite (pior filme/notícia que você analisou/pesquisou): Acidente de bicicleta leva ao surgimento de uma gêmea do mal em Let Her Out (Laura); Maniac Cop 3 – O Distintivo do Silêncio (Paulo); Tilda Swinton e Dakota Johnson no Remake de Suspiria (Daniel); The Silenced (Luana); Penny Dreadful está oficialmente cancelada e não voltará para uma quarta temporada (Rodrigo); Quando as luzes se apagam e o desafio das adaptações cinematográficas (Filipe); Estúdio de Outlast lança projeto de fraldas adultas para uso em games de terror (Samuel); O Enigma do Horizonte (Marcus); a tediosa sétima temporada de The Walking Dead (Silvana); Nicolas Cage enfrenta tubarões para sobreviver em USS Indianapolis: Men Of Courage (Bruna)

Leia também:

Marcelo Milici

Marcelo Milici

Fundou o Boca do Inferno em 2001. Formado em Letras, fez sua monografia sobre o Horror Gótico na Literatura. Já foi juri de festivais e eventos do gênero! Contato: [email protected]

1 Comentário

  1. Esqueceram de mencionar a perda de Herschell Gordon lewis o ” Padrinho do GORE ” , que nos deixou esse ano .
    Parabéns pelo resumo do ano , mais eu queria um resumo pelo ” Podcast ” inclusive com sua participação Marcelo .
    Feliz Ano Novo a todos vocês do Boca do Inferno !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *