Editorial 2018 #1: 17 anos no Inferno!

Saímos da obscuridade para a “infernet” há exatos 17 anos. Até então éramos apenas apreciadores do medo, da tensão e do gore propostos pelo cinema, literatura, jogos e pelos quadrinhos, quando decidimos que devíamos ajudar a divulgar o gênero e seus subgêneros. Depois de tanto tempo de experiência, mantendo um público fiel e enfrentando todas as dificuldades que fazem parte do desafio, o Boca do Inferno se estabeleceu como uma criatura que expõe suas vísceras em conteúdos assustadores. Lançamos HQ, livro, podcast, videocast e invadimos todas as mídias e eventos, ampliando nossos alcances ao ponto de não termos mais controle, como se o site se atualizasse sozinho.

Alcançar esses 17 anos é algo a ser realmente comemorado, principalmente em uma época em que o inferno passou a ser invadido. Perdemos o twitter e as postagens do instagram – inauguramos um novo twitter e reiniciamos o instagram -, e tivemos o site tirado do ar por hackers e invejosos, o que nos obrigou a colocar uma proteção paga e ainda realizar backups diários. Não sabemos até que ponto um site como o Boca do Inferno incomoda: nossa proposta é apenas ajudar a divulgar, fazer com que filmes e outros produtos tenham alcances cada vez maiores para que o terror deixe de ser um gênero marginalizado por aqui. Não colocamos produções para download e não ganhamos nada com isso, mas, mesmo com esse ideal amigável, tendo que pedir a ajuda do infernauta para mantê-lo no ar através do padrim, o site nunca teve tantas tentativas de destruição como as que aconteceram nesses primeiros meses de 2018.

Esses ataques trouxeram algumas doses de desânimo nos realizadores, tanto que – vocês devem ter notado – não há mais aquele editorial mensal com as contagens e apresentações das postagens em crônicas infernais. Nem sabemos realmente se vale a pena voltar a fazê-los, uma vez que dava um grande trabalho para a catalogação para alguém, em algum canto do mundo e do próprio Brasil, resolver destrui-los como aconteceu no começo de janeiro e fevereiro. Entretanto, o conteúdo continua intenso, se espalhando e se fortalecendo cada vez mais como uma gárgula – cada uma que você elimina se tranforma em outras duas. Com as quedas, aprendemos a valorizar ainda mais cada nova postagem, cada nota e crítica, com o receio de que ela possa não estar ali até o final do dia.

Até mesmo uma página que vive do medo também pode se assustar, sentir arrepios como a de uma vítima com um assassino à espreita. Mas, ela ainda está viva como uma final girl, com um novo visual e aprendendo cada vez mais a lidar com as adversidades. Forte e resistente, está disposta a enfrentar os problemas em diversas continuações, pensando em estratégias para resistir às investidas, nem que precise de um remake ou até mesmo um reboot.

Essa é a rotina de quem está por trás de uma página como o Boca do Inferno. A um ano de alcançar sua maioridade oficial, continua assombrando os incautos e espalhando calafrios nos infernautas! Contudo, é sempre importante que o público ajude a divulgar o site, nosso instagram, twitter e Canal do Inferno nas redes sociais, que talvez trace um apoio ao padrim, comente nossas postagens e nos fortaleça com suas visitas constantes. Assim, independente do que possa acontecer nos próximos 17 anos, que possamos continuar a falar do inferno com tanta propriedade e dedicação!

Longa morte-vida e além-morte ao Boca do Inferno!

(Visited 222 times, 1 visits today)
Marcelo Milici

Marcelo Milici

Fundou o Boca do Inferno em 2001. Formado em Letras, fez sua monografia sobre o Horror Gótico na Literatura. É autor do livro "Medo de Palhaço", além de ter participado de várias antologias de horror!

8 comentários em “Editorial 2018 #1: 17 anos no Inferno!

  • 15/05/2018 em 09:25
    Permalink

    Sou fã de carteirinha do Boca do Inferno! É um site importantíssimo não só para o público mas também para quem produz material (filmes, livros, HQs, Jogos etc) do gênero no Brasil, principalmente pela excelente iniciativa de se promover o festival, que todo ano se propõe a exibir uma bela seleção de filmes fantásticos, principalmente os nacionais! Muito obrigado a toda equipe que mantém o site no ar!!!! Vocês são incríveis!

    Resposta
  • 12/05/2018 em 22:20
    Permalink

    Parabéns ao Boca e à toda a equipe que se empenha tanto para trazer o melhor conteúdo do horror na internet. Pronto, falei kkk.

    Resposta
  • 12/05/2018 em 12:02
    Permalink

    Conheci o site em meados de 2014, e desde então minha visita aqui é frequente, só tenho a parabenizar toda a equipe do Boca do Inferno por seu trabalho e dedicação.
    Que venham 17, 18, muitos anos mais, parabéns galera!

    Resposta
  • 11/05/2018 em 17:13
    Permalink

    Acompanho o site desde 2008. Amo as críticas e os artigos. Parabéns a todos os envolvidos e principalmente a vc Marcelo. Que o site tenha a mesma força de retornar que a de Jason Voorheers. =)

    Resposta
  • 10/05/2018 em 12:59
    Permalink

    Tenho orgulho de dizer que acompanho desde o início! Graças a uma matéria que li na Herói 2000… Saudades!
    Muito obrigado e parabéns pelo grande trabalho!
    E aos hackers, só posso desejar que evoluam como seres humanos.

    Resposta
  • 10/05/2018 em 11:51
    Permalink

    Marcelo, sou do tempo, que para se obter informações sobre filmes de terror, tinha que recorrer aos guias de vídeo da Vídeo News e da Nova Cultural, além de ler mensalmente as revistas Vídeo News, Set, Set Terror & Ficção, Cinemin e mais algumas outras que duraram pouco, além daquelas publicações dedicadas à filmes de terror que duraram menos ainda. Até comprei alguns números da Fangoria e Gorezone, que no final da década de 80 e início dos anos 90, custavam caro, mas muito caro mesmo, ainda mais para alguém com um inglês sofrivel como o meu.

    Felizmente surgiu a Internet e com ela sites como o Boca do Inferno, que se não é perfeito, é um verdadeiro oásis para is fãs de filmes de terror como eu, já que vocês levam a sério o que fazem.
    Longa vida ao Boca do Inferno e cuidado com as pedras que aparecem pelo caminho, Marcelo.

    Resposta
  • 10/05/2018 em 03:13
    Permalink

    Parabéns Boca do Inferno pelos 17 anos , e muito obrigado Marcelo por não desistir do site !

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien