Cinema

Produtora de Ridley Scott quer refilmar o coreano O Lamento

A Scott Free está nos estágios iniciais de negociação para produzir um remake em língua inglesa de um dos melhores filmes de 2016

2016 foi um ano excelente para o cinema de horror sul-coreano – e, claro, para os fãs do gênero. Invasão Zumbi (Train to Busan), A Criada (The Handmaiden) e O Lamento (The Wailing) foram sucesso de público em seu país e entraram para várias listas de melhores filmes de terror do ano em todo o mundo. Um remake de Invasão Zumbi já foi anunciado, e parece que O Lamento vai seguir o mesmo caminho.

A Fox International Production (FIP) Korea está nas fases iniciais de negociação com a Scott Free, de Ridley Scott, para produzir um remake do filme de Na Hong Jin. Quem deu a notícia foi Hosung Kim, chefe da FIP Korea, na semana passada, enquanto aceitava o prêmio de melhor filme cedido pela Associação de Repórteres de Cinema Coreana (KOFRA). Na ocasião, Na Hong Jin também ganhou o prêmio de melhor diretor.

Kim explicou que foi contatado por um executivo sênior da Scott Free, mas demonstra preocupação sobre como o filme seria adaptado para o público ocidental: “Eles disseram que O Lamento os lembrou de filmes como O Exorcista, O Chamado e Seven. A localidade e a sensibilidade de O Lamento é tão forte que eu não acho que seria fácil fazer um remake ocidental, e acho que é importante quem vai dirigi-lo. Então, eu lhes disse que o único diretor que pode fazer o remake é Na Hong Jin. Mas ainda estamos nos estágios iniciais de negociação”.

Ele prosseguiu: “Que outro país tem tanta diversidade de crenças religiosas quanto a Coreia? Em O Lamento, você não vê um monge budista coreano, mas um tipo de monge japonês, um xamã, cristianismo, catolicismo e várias crenças pagãs e ocultismo. É diferente da visão de religião no oeste, onde há o monoteísmo do cristianismo. Então, quando você lança uma questão sobe fé, a resposta emocional seria tão intrínseca quanto é para os coreanos? É claro que as reações que tivemos em Cannes e em outros países foram de surpresa, mas isso porque era uma cultura estrangeira para eles. Funcionaria se o filme fosse falado na língua deles?”

Em O Lamento, a chegada de uma misteriosa estranha (Chun Woo-hee) em uma aldeia tranquila coincide com uma onda de assassinatos cruéis, causando pânico e desconfiança entre os moradores. Quando a filha do oficial de investigação Jong-Goo (Kwak Do-won) cai sob a mesma magia selvagem, ele chama um xamã (Hwang Jung-min) para ajudar a curá-la e resolver o mistério, com resultados inesperados.

Leia também:

Trackbacks / Pings

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *