Michael Anderson, diretor de Orca: a Baleia Assassina, morre aos 98 anos

O diretor britânico Michael Anderson, indicado ao Oscar por A Volta ao Mundo em 80 Dias (1956), morreu na última quarta-feira (25), aos 98 anos, em Vancouver. A informação foi divulgada no sábado (28) e a família disse, sem mais detalhes, que a causa da morte foi uma doença do coração.

Anderson começou a carreira no fim da década de 1930 no Elstree Studios, em Londres; serviu durante a guerra e quando retornou assinou contrato com a produtora Associated British Picture Corporation.

Além do filme que lhe rendeu uma indicação ao Oscar e ao Globo de Ouro, o cineasta também dirigiu The Dam Busters (1955), 1984 (1956), Operação Crossbow (1965), A Morte Não Manda Aviso (1966), Fuga no Século 23 (1976), Orca: a Baleia Assassina (1977), Dominique (1978) e Murder by Phone (1982).

Além de um grande legado em Hollywood, o diretor deixou um filho, o ator Michael Anderson Jr., a esposa Adrianne Ellis e os enteados Laurie Holden (The Walking Dead, The Americans) e Christopher Holden.

Laurie publicou em seu Twitter uma homenagem ao padrasto:

 

A equipe do Boca do Inferno oferece as mais sinceras condolências à família e amigos de Michael Anderson.

(Visited 179 times, 1 visits today)
Laura Dourado

Laura Dourado

Jornalista, bailarina, estudante de história e amante irrecuperável de filmes de terror. Assiste todos os tipos possíveis, dispensando só os terríveis found footages.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien