Thriller psicológico Memento Mori mostra eventos que levaram garota ao coma

Memento Mori é um filme belga escrito e dirigido pelo estreante Michael Vermaercke, um jovem cineasta de Flanders que já tem alguma experiência com curtas-metragens. Inclusive, o último que ele realizou – The Disturber – foi premiado em 2016 no Vampire Film Festival da Transilvânia.

Agora, em seu primeiro longa-metragem, ele tratará sobre “o medo e insegurança de adolescentes que estão prestes a entrar na vida adulta”.

Produzido por Piet Sonck, da independente Gypsy Productions, Memento Mori acompanha Fleur (Charlotte De Wulf), uma adolescente que aparentemente tem a vida perfeita: ela é bonita, rica e popular. Mas, como toda boa protagonista, ela guarda um segredo obscuro que é revelado durante uma festa na piscina, onde um violento incidente acontece terminando com Fleur em coma. A partir disso, o filme mostra a garota revivendo os eventos que a levaram a esse trauma.

O filme teve sua estreia no Festival Internacional de Cinema Fantástico de Bruxelas e foi introduzido para o mercado cinematográfico no Festival de Cannes. O título, Memento Mori, vem da frase em latim “lembre-se de que você vai morrer”, fazendo referência aos adolescentes que levam a vida de forma inconsequente, principalmente conforme vão chegando mais perto da vida adulta.

(Visited 360 times, 1 visits today)
Laura Dourado

Laura Dourado

Jornalista, bailarina, estudante de história e amante irrecuperável de filmes de terror. Assiste todos os tipos possíveis, dispensando só os terríveis found footages.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien