Críticas

Abraham Lincoln vs. Zombies (2012)

Roteiro ridículo com todos os mesmos e cansativos clichês de filmes de mortos-vivos, não acrescentando nada ao sub-gênero!

Abraham Lincoln Vs Zombies (2012)

Abraham Lincoln vs. Zombies
Original:Abraham Lincoln vs. Zombies
Ano:2012•País:EUA
Direção:Richard Schenkman
Roteiro:Richard Schenkman, J. Lauren Proctor, Karl T. Hirsch
Produção:David Michael Latt
Elenco:Bill Oberst Jr., Kent Igleheart, Rhianna Van Helton, Brennen Harper, Josh Sinyard, Debra Crittenden, Bernie Ask, Chris Hlozek, Richard Schenkman, Jim E Chandler, Jason Vail, Eric Lee Galloway, Ronald Ogden

Tranqueira produzida pela The Asylum, estúdio especializado em copiar a ideia de filmes com apelo comercial e popular, lançando suas próprias versões logo em seguida.

Com direção de Richard Schenkman, que também assina o roteiro a partir de um argumento de Karl T. Hirsch e J. Lauren Proctor, esse filme, inspirado em Abraham Lincoln: Caçador de Vampiros, apresenta o tão cultuado presidente dos Estados Unidos entre 1861 e 1865, interpretado por Bill Oberst Jr., partindo para o campo de batalha junto com um grupo de agentes especiais para retomar um forte controlado pelos confederados na guerra civil. Porém, o que eles realmente encontram e precisam enfrentar na verdade é um exército de zumbis formado por soldados e a população local, vítimas de uma misteriosa infecção.

Abraham Lincoln Vs Zombies (2012) (2)

Roteiro ridículo com todos os mesmos e cansativos clichês de filmes de mortos-vivos, não acrescentando nada ao sub-gênero. Dispensável.

Leia também:

4 Comentários

  1. ZOD

    Não tem TANTA diferença entre esse e o de Vampiros, os dois foram medianos.

  2. Cristina

    Ruim é pouco para essa porcaria!

  3. vanessa vasconcelos

    passo ….deve se péssimo.

  4. Fabiano

    Não entendo vcs, querem fazer criticas num filme da asylum sabendo que são tranqueiras, que as vezes dão algum resultado como sharknardo, mais no mais são a mesma coisa, ou seja nada alem de diversão. Poxa a asylum nada mais é que uma troma então não podem existir criticas e sim assistir e amar ou odiar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *