Críticas, Televisão

Another (2012)

Possui um lado jovial e escolar, mas ao mesmo tempo, um clima de mistério constante e a sensação de que as coisas não terão um final feliz!

Another (2012) (4)

Another
Original:Anazâ
Ano:2012•País:Japão
Direção:Tsutomu Mizushima, Hiroyuki Hata, Yukina Hiiro Takefumi Anzai, Jong Heo, Tarô Iwasaki, Eiyoh Kurakawa, Fumie Muroi, Toshiya Shinohara
Roteiro:Yukito Ayatsuji, Ryô Higaki
Produção:Eriko Aoki, David Del Rio, Takeshi YasudaJun Fukuda
Elenco:Natsumi Takamori, Tomoaki Maeno, Madoka Yonezawa, Naoko Sakakibara, Kazutomi Yamamoto, Iori Nomizu, Misato Fukuen, Takurô Kitagawa, Hiroaki Hirata

Uma grande amiga, mesmo sem querer, foi quem me introduziu no mundo do horror asiático. Claro que já conhecia aquelas produções mais comuns, da leva pós Ringu (1998), mas coisas raras e, muitas vezes, bem mais interessantes, foi por causa dela e deste anime: Another. Em um belo dia chuvoso e sem internet (sim, era a treva!) estava procurando nos meus downloads algo legal para assistir. Até que essa amiga virou com um DVD e disse: “Esse é um anime de mistério, tem 12 episódios e 20 minutos cada. Rápido e você vai gostar”. Fiz uma cara de merda, mas peguei o DVD por falta de opção. Mas ai tudo aconteceu e uma luz celestial pairou sobre meu computador.

A trama é um pouco complexa (como todas as japonesas). Há 26 anos atrás, na cidade de Yomiyama uma tragédia aconteceu: Misaki uma aluna e colega muito querida por todos na escola local acaba morrendo em um acidente. Sua turma, inconformada com o fato, tem uma ideia maluca, achando que é super normal: eles fingem que a garota não morreu! Ninguém se senta no lugar de Misaki, conversam com ela e até mesmo na formatura da turma ela tem seu lugar reservado e, é claro, dá seu ar fantasmagórico na foto da sala. E, é claro, que isso gerou uma lenda macabra na escola. Mas será que é só uma lenda?

Another (2012) (1)

Na atualidade, Koichi Sakakibara se muda para a pequena cidade para morar com seus avós, devido a uma longa viagem que seu pai fará a trabalho. O anime tem início com cenas de nosso protagonista internado devido à alguns problemas de saúde. No hospital, ele conhece uma garota para lá de esquisita, que usa um tampão no olho, chamada Mei Misaki (sente a coincidência). Ela não fala com ninguém e se encaminha para o necrotério. Normalíssimo, todo mundo faz isso! Ao conseguir se recuperar e começar as aulas naquela mesma escola amaldiçoada, Sakakibara percebe que a enigmática garota do hospital está em sua sala, mas algo estranho acontece na turma: Misaki parece não existir para os outros alunos ou professores. Além disso, seus colegas de classe agem de modo estranho, como se estivessem escondendo algo dele, e quando cita a presença da garota, alguns deixam escapar que é algo que não deve ser falado. Tenso, muito tenso!

Com este novo impasse dentro da escola, mortes estranhas começam a acontecer. E a turma parece saber o motivo, temê-lo, mas não ousam contá-lo ao protagonista. Mortes incríveis, diga-se de passagem

Another (2012) (2)

Essa é a base da narrativa de Another. Mistério puro. Além do enredo, o anime tem uma bela construção gráfica, boa trilha sonora (menos a abertura, que é um tanto irritante e não combina muito com o clima de mistério), cenas envolvendo bonecas estranhas, que descobrimos depois possuírem sua importância, e belíssimas mortes (a minha preferida é a do guarda-chuva).

Algumas pessoas acusam o anime de ser um pouco confuso e que os personagens não possuem carisma. Concordo com os dois pontos, pois muitas das pessoas morrem e sua reação ao assistir é simplesmente: “ah tá, aquela mina de óculos morreu… beleza”, pois não existe um desenvolvimento dos personagens, principalmente pela duração do anime, apenas 12 episódios, o que contribuiu para seu final um pouco confuso, ou até mesmo sem grandes emoções, já que tudo se revela de forma muito abrupta nos episódios finais.

Another (2012) (3)

Entretanto, é uma produção que vale a pena conhecer. Ela possui um lado jovial e escolar, bem típico de clássicos do gênero horror, mas ao mesmo tempo, um clima de mistério constante e a sensação de que as coisas não terão um final feliz. Porque determinados problemas do “além” não tem soluções muito simples. Essa perspectiva pessimista acaba deixando a trama com uma abordagem muito realística e medonha, ou seja, ótima!

Vale lembrar que Another é originalmente uma light novel (uma narrativa, com ilustrações estilo mangá, publicadas em folhetins ou revistas), adaptada para mangá (que também é excelente!), adaptado para anime, adaptado para filme live action. Sim, tiraram até a última casquinha, pois foi um grande sucesso na Ásia e entre os fãs dos gêneros.

Another é fácil de encontrar, o anime está disponível no youtube com legendas em português. Então não perca tempo, assista e escolha: qual sua morte preferida?

Leia também:

4 Comentários

  1. Alex Santos

    Assisti another e curti muito. Realmente a história é meio viajada, mas nada que se compare a higurashi no naku koro ni, esse sim da um nó de marinheiro no cérebro, não deixado, contudo, de ser um belo anime. Para quem curte animes de horror e mistério, ou gostou de another, higurashi é uma ótima pedida.

  2. Thi MarQs

    Realmente é mais horror! Uma história muito bem bolada…, curto esse Animê

  3. alex

    Acho another ruim,ele esta mais para horror porque como suspense/misterio é uma afronta aos neuronios,po´rem tem mortes muito criativas.

    • Lucas Rennó

      Eu até que gostei das mortes. Aquela do guarda-chuva e do elevador, foram divertidas pra mim.
      No entanto, concordo com você sobre a história.
      Tem muito clichê de animê, a personagem de tapa olho é um tiro nas bolas!
      Sem contar que o suspense é construído pelo fato dos personagens estarem proibidos de falar com o protagonista, tornando todo o tipo de conversa nos primeiros episódios algo extremamente irritante.
      Existem outros animês de terror e suspense que valem mais a pena…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *