O Monstro da Lagoa Negra – Julie Adams morre aos 92 anos

A atriz Betty May Adams, que mais tarde adotou o nome artístico de Julie Adams, nasceu em 17 de Outubro de 1926 em Waterloo, cidade localizada no estado americano do Iowa. Adams iniciou sua carreira nas telonas em 1949 atuando no longa de comédia musical Brasa Viva (Red, Hot and Blue) e, posteriormente, estrelando vários filmes do gênero faroeste como Quadrilha dos Dalton (The Dalton Gang), O Tesouro do Grand Canyon Perdido (The Treasure of the Lost Canyon) e O Álamo (The Man from the Alamo). No entanto, a atriz só conseguiu maior visibilidade mundialmente em 1954 com o longa O Monstro da Lagoa Negra (Creature from the Black Lagoon), produzido pelo Universal Studios.

Situado na Amazônia, o filme acompanha um grupo de pesquisadores tentando elucidar a presença e coletar provas sobre a possível existência de uma criatura marinha dada como extinta, designada pelo nativos como uma lenda, sendo denominada de “homem-peixe”. Após a chegada da expedição dos pesquisadores ao Amazonas, o Monstro que habita suas águas reage violentamente à invasão dos seus domínios, ao mesmo tempo em que se apaixona por Kay Lawrence (Julie Adams), a única mulher cientista presente na viagem exploratória.

O longa totalmente filmado em preto e branco obteve tanto sucesso que ganhou duas sequências, A Revanche do Monstro (Revenge of the Creature), de 1955, e The Creature Walks Among Us, de 1956, e o Monstro da Lagoa Negra tornou-se uma criatura icônica, consagrada como um dos famosos monstros da Universal Studios.

Após ser eternamente imortalizada como uma scream queen em O Monstro da Lagoa Negra, Adams estrelou A Guerra Íntima do Major Benson (The Private War of Major Benson), Cavaleiro Romântico (Tickle Me), Assassinato por Escrito (Murder She Wrote) e, mais recentemente, fez uma participação no seriado Lost, totalizando quase 150 papéis no cinema e na televisão.

Em 2013, Adams recebeu premiações do Conselho Municipal de Los Angeles (L.A. City Council) e do Conselho de Supervisores do Condado de Los Angeles (L.A. County Board of Supervisors) por suas contribuições à indústria cinematográfica. Ela continuou trabalhando e atuando mesmo com seus noventa anos, exercendo seu último papel em um curta-metragem de 2018 inspirado em sua biografia. Além disso, Adams sempre fez questão de manter contato com seus fãs através de seu website oficial.

Julie Adams faleceu com 92 anos no dia 03 de Fevereiro de 2019 em Los Angeles, Califórnia, ao lado de seus dois filhos e quatro netos.

 

(Visited 184 times, 1 visits today)
Pat Mendes

Pat Mendes

Fã do gênero horror desde quando as sessões da tarde exibiam estes tipos de filmes. Além do amor pelo terror é uma médica veterinária apaixonada por criptozoologia.

Um comentário em “O Monstro da Lagoa Negra – Julie Adams morre aos 92 anos

  • 05/02/2019 em 13:12
    Permalink

    Uma grande atriz que deixou sua marca no cinema de horror.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien