Sexta-feira 13: 40 anos e as quase sequências

O filme Sexta-feira 13 completou 40 anos de lançamento no dia 9 de maio de 2020. Tendo sido lançado em 1980, o projeto independente imaginado pelo diretor Sean S. Cunningham e pelo roteirista Victor Miller fez sucesso suficiente para gerar nove sequências oficiais, um remake, o projeto Freddy Vs Jason e uma série de produtos midiáticos. Apesar dos críticos nunca terem gostado da franquia, o vilão Jason Voorhees entrou para a história do cinema como um dos assassinos mais famosos, talvez o mais famoso, dos filmes slasher.

O Boca de Inferno é super fã da franquia tendo todos os filmes resenhados, além de um episódio especial do nosso podcast sobre Jason e seus assassinatos. Para este aniversário de 40 anos, listamos as quase sequências de Sexta-feira 13. Nunca ouviu falar das quase sequências? Tratam-se de filmes que foram pensados pelos produtores, mas infelizmente nunca saíram do papel. Ou não saíram como o planejado. Para uma franquia que até conseguiu manter minimamente a questão da continuidade entre as sequências, falamos minimamente, teria sido interessante que alguns destes projetos tivessem recebido sinal verde.

Sexta-feira 13 – Parte 3: A volta de Ginny

Amy Steel foi a final girl Ginny em Sexta-feira 13 – parte 2, lançado menos de um ano após o original. Trata-se de uma das melhores e mais queridas final girls da franquia. Ao sobreviver ao segundo filme, os produtores logo pensaram em trazer Ginny de volta para um eventual terceiro filme. De acordo com entrevistas de Amy Steel, não existia um roteiro, mas era certo o retorno de Ginny. O convite foi feito, mas infelizmente a atriz disse não ao projeto.

Amy Steel

Anos depois, a atriz declarou ter se arrependido de não ter participado de um terceiro Sexta-feira 13. Nas palavras de Steel no livro Crystal Lake Memories, por ser uma jovem e inexperiente atriz, ela achava que um dia Steven Spielberg iria bater na porta dela com a proposta para ela estrelar um grande filme, o que nunca aconteceu. Após Sexta-feira 13 – parte 2, Steel participou de algumas séries e filmes para TV. Ela voltou ao slasher em 1986 com A Noite das Brincadeiras Mortais.

Apesar de nunca ter sido divulgado um roteiro com a volta de Ginny, ao menos seria bom ter a personagem de volta. Quem sabe não teríamos tido um filme melhor do que o irregular e fraco Sexta-feira 13 – parte 3.

Sexta-feira 13 – Parte 5: O assassino é Tommy Jarvis

Um dos destaques do quarto filme, que recebeu o subtítulo de O Capítulo Final, lançado em 1984, foi o personagem Tommy Jarvis. Interpretado por Corey Feldman, então com 12 anos, Tommy foi o único, até aquele momento, que conseguiu ter sucesso em matar Jason. Sim, em Sexta-feira 13 – parte 4, Jason realmente termina o filme morto.

Sexta Feira 13 - Capítulo Final (1984)

A ideia para um quinto filme era trazer de volta um traumatizado Tommy Jarvis que eventualmente passaria a ser o novo assassino da série. Ninguém sabe se este filme iria dar certo ou não, mas com certeza com a impossibilidade do retorno de Feldman, que na época estava filmando Os Gonnies, a escolha dos produtores para o quinto filme não foi das melhores.

Feldman aparece no começo da parte 5 em uma rápida participação apenas para a trama avançar alguns anos e mostrar um Tommy Jarvis já crescido e interpretado por outro ator.

Sexta-feira 13 – parte ??: A volta de Alice.

Este é um dos pontos que a atriz Adrienne King, que interpretou Alice, a final girl do primeiro filme, mais gosta de debater. Apesar de ter sobrevivido ao massacre original, Alice retorna no segundo filme, mas em um verdadeiro balde de água fria nos fãs, é a primeira a ser morta por Jason ainda no prólogo do filme. De acordo com King, Alice não deveria ter morrido, mas sim retirada de cena para voltar em alguma sequência. Infelizmente isto nunca aconteceu graças a um desentendimento entre os produtores do segundo filme e o agente dela e Alice foi realmente morta. O corpo emputrefado dela inclusive é visto no final da parte 2.

Após o segundo filme, King, que na vida real foi perseguida por um fã obcecado, parou de trabalhar como atriz. Ela voltou a atuar apenas em 2010 e desde então tem feito filmes de suspense e terror de baixo orçamento. Sempre que é perguntada sobre Alice, King não esconde o desejo pela volta da sua personagem. Quem sabe? Se Laurie Strode voltou em uma linha do tempo alternativa em Halloween, por qual motivo Alice não poderia ter o mesmo destino?

Sexta-feira 13 – parte 8: Jason REALMENTE ataca NY

A oitava parte da franquia vendia a imagem de Jason atacando Nova Iorque, mas quem assistiu ao filme viu que na verdade ele atacou um barco. Em uma das maiores decepções da série, ver um roteiro que prometia Jason pelas ruas de Nova Iorque ser resumido aos 15 minutos final do filme deixou muitos fãs decepcionados.

A justificativa para os cortes foi orçamentária. Seria muito caro gravar todo o filme, ou ao menos mais da metade na grande metrópole. A péssima solução encontrada foi arrumar um transatlântico (!!!) zarpando de Crystal Lake. Bom, ao ver os filmes anteriores, realmente o lago muda bastante de formato e tamanho…

Freddy Vs Jason: Com Betsy Palmer e Corey Feldman

Realmente, nós gostamos muito do Tommy Jarvis interpretado por Corey Feldman na parte 4. Gostamos tanto que mal acreditamos quando foi anunciado durante a pré-produção de Freddy Vs Jason que Feldman faria parte do elenco como um agora sim adulto Tommy Jarvis.

A proposta do grande encontro era trazer, além dos vilões, alguns personagens das duas franquias. Se Tommy Jarvis iria dar as caras no filme representando os moradores de Crystal Lake, quem iria representar a Rua Elm seria a personagem Alice (Lisa Wilcox). Infelizmente tantas revisões e mudanças no roteiro deixaram tanto Tommy quanto Alice de fora.

No entanto, a mamãe de Jason fez uma participação especial. Infelizmente, Betsy Palmer recusou o convite de fazer uma participação especial em Freddy Vs Jason e o papel acabou indo para outra atriz. Vamos concordar que Betsy Palmer é a única mamãe do Jason.

Sexta-feira 13: parte 13 – Todas contra Jason

Apesar da franquia original ter encerrado no décimo filme, o fantástico Jason X, lançado em 2000 (sim, nós gostamos muito de Jason X), por anos se fala ou se falou em um Sexta-feira 13 – parte 13 no qual as final girls partiriam juntas para enfrentar Jason em Crystal Lake. Este projeto, que provavelmente nunca vai sair do papel, é com certeza o sonho de muitos fãs da franquia.

No entanto, existem dois projetos que podem animar um pouco os fãs enquanto um novo filme não é produzido como consequência de uma longa briga judicial pelos direitos da franquia.

O primeiro se chama 13: Fanboy. Trata-se de um projeto independente escrito e dirigido por Deborah Voorhees, que fez a personagem Tina em Sexta-feira 13 – parte 5. Se você não é realmente fã da série, você não vai se lembrar dela… Pois Deborah escreveu um roteiro no qual atrizes da franquia Sexta-feira 13 são perseguidas por um serial killer na “vida real”.

No elenco, Lar Park-Lincoln (a final girl da parte 7), Judie Aronson (Samanta da parte 4), Tracie Savage (a grávida da parte 3), Jennifer Banko (a Tina criança da parte 7), C.J. Graham (Jason da parte 6), Ron Sloan (Junior da parte 5), Kane Hodder (Jason das partes 7, 8, 9 e 10) e Adrienne King. Todos vão interpretar ele(a)s mesmo(a)s. O filme também vai contar com Corey Feldman, mas como um personagem diferente.

Outro projeto que de vez em quando é citado como em produção, mas ninguém sabe ao certo como está, tem o título de Untitled Friday the 13th Fan Film. Trata-se de um filme não oficial da franquia, como alguns que já existem, porém com o diferencial de ter no elenco Adrienne King e Amy Steel. Vamos aguardar por estes projetos enquanto Jason segue descansando no fundo do lago.

(Visited 1.251 times, 1 visits today)
Filipe Falcão

Filipe Falcão

Jornalista formado e Doutor em Comunicação. Fã de filmes de terror, pesquisa academicamente o gênero desde 2006. Autor dos livros Fronteiras do Medo e A Aceleração do Medo e co-autor do livro Medo de Palhaço.

5 comentários em “Sexta-feira 13: 40 anos e as quase sequências

  • 15/07/2020 em 00:12
    Permalink

    só vim aqui pra dizer que essa franquia é uma bosta. O único que se salva é o 6 pq é divertido. E só

    Resposta
    • 25/07/2020 em 16:19
      Permalink

      A julgar pelo sucesso da série, bosta é o seu comentário!

      Resposta
  • 06/06/2020 em 23:05
    Permalink

    Ótima matéria gostei muito, só umas coisas que preciso pontuar, o sexta feira 13 PT3 e muito bom foi onde Jason ficou do jeito que é hj, gosto muito dele assim como os outros, sempre é discutido qual filme falha e talz mais sempre tem disso quando a franquia é grande. Sempre vão ser questionados o pontos do 3 4 5 e 8 há fãs q odeiam a parte 6 kkk mas eu gosto é de todos mesmo sem exagero fan raiz msmo rsrs.

    Outro ponto que não gostei foi mesmo a morte da ruivinha principal do 1 , cara da uma raiva quando penso nisso, ela lutou muito e Jason conseguiu finalmente se vingar por ela ter matado a mãe dela :/ , fazer o que né, mais ainda digo que se ela voltar nos filmes de hoje não seria nada mal, podendo fazer uma ligação tipo no 2 que aquilo era só um pesadelo dela, acho que encaixaria mais geraria muita crítica e divisões nos filmes pelos fãs kkkk, e aquela coisa né já fez algo no filme fica mercado pra sempre.

    E com relação a uma parte 13 cara achei fantástico nunca tinha tinha pensando nisso, depois do remake meio que encarei como uma continuação, mais aí não vale tem até o 10 teria que ter mais 2 filmes pra chegar na derradeira parte 13 e Jason teria seu descanso calculado pelo destino kkk. Espero que esses outros dois filmes de halloween sejam bem definitivos.

    Resposta
  • 04/06/2020 em 15:23
    Permalink

    Matéria muito boa, essa.
    Li em algum lugar que Sexta Feira 13 Parte 3, aconteceria no hospital, algo muito parecido com Halloween 2. Amy Steel é incrível , mas tb gosto muito da Tracie Savage.

    Resposta
    • 06/06/2020 em 23:08
      Permalink

      Acho que não ficaria ruim não hein, seria da hora, o 4 teve aquele início no necrotério mais só aquilo mesmo. Disputaria diretamente com halloween na época kk. Apesar de passar tempo já.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *