Horror Story (2013)

Horror Story (2013) (1)

Horror Story
Original:Horror Story
Ano:2013•País:India
Direção:Ayush Raina
Roteiro:Mohan Azaad, Vikram Bhatt
Produção:Vikram Bhat
Elenco:Aparna Bajpai, Ravish Desai, Karan Kundra, Nishant Malkani, Radhika Menon, Sheetal Singh, Nandini Vaid, Hassan Zaidi

Quando falamos em cinema de horror asiático consideramos automaticamente o Japão e a Coréia do Sul. Mas existem outros países na Ásia, minha gente! Vamos falar hoje sobre uma produção bem peculiar, o indiano Horror Story.

Sabe todas aquelas impressões que possuímos de bollywood? Pois bem, elas são reais!

Horror Story tem uma trama bem simples: um grupo de sete amigos está reunido em um bar, um pouco bêbados. Na TV, é transmitida notícias sobre um recente suicídio ocorrido num hotel abandonado em área isolada da cidade e dito assombrado por seu passado como hospital psiquiátrico. O que o grupo esperto de amigos resolve fazer? “Vamos lá ver o hotel! Fantasmas não existem!”. É o tipo de ideia genial que adolescentes retardados têm nos filmes. Tá bom que, neste caso, não estamos falando de adolescentes, mas de jovens adultos incrivelmente maquiados.

Horror Story (2013) (4)

É óbvio que a trama terminará em merda, como todo mundo já sabe, porque não tem a menor chance de algo desse tipo funcionar.

Essa é a narrativa da produção, manjada e sem grandes surpresas ao público fã de horror. Mas o que queremos falar aqui é outra coisa, é sobre o ponto mais interessante dessa produção: ela é indiana! Isso já resume tudo. (Que fique claro que estamos fazendo aqui uma análise apenas de Horror Story, sem comparações ou generalizações do cinema indiano).

Sabe todos aqueles takes de bollywood que vemos por ai na internet, com dança, pessoas maquiadas em qualquer ambiente, atuações questionáveis e histórias no estilo dramalhão mexicano? Pois bem, una todos esses aspectos à efeitos defeituosos e maquiagem mal feita (a dos fantasmas, porque a dos mocinhos é impecável e com certeza é 24 horas!) e você conseguirá vislumbrar Horror Story.

Horror Story (2013) (3)

Confesso que não existe uma cena de dança “assumida”, entretanto, há vários momentos de atuação ritmada de tal modo que se assemelha a uma coreografia. Um exemplo é quando o grupo percebe que o lugar é realmente assombrado, após a primeira morte, e sai correndo pelos corredores do hotel, todos com a mesma expressão corporal e gritos idênticos. Até os sons de fundo dão a sensação de música ambiente, formando uma bizarra coreografia de terror.

A fotografia não tem nada de especial. E na realidade, as imagens são trabalhadas de forma bem óbvia com imagens escuras, heróis mais coloridos e iluminados, mortos apagados e colocados em segundo plano imagético.

Horror Story (2013) (2)

A trama é muito comum no meio do horror, mas não podemos esquecer que ela é desenvolvida por uma produção e atores completamente… bollywood! As reações dos personagens a tudo são incrivelmente exageradas, um choro não é simplesmente um choro, é um momento torturante com gritos e cena dramática de personagens deslizando pela parede até assumir posição fetal. Sim, é exatamente assim! As cenas dramáticas são exageradíssimas, enquanto as cenas de cotidiano… também! Não tem escapatória. Além disso, os atores não assumem posturas naturais. Tudo é excessivamente decorado no melhor da atuação estilo novelão.

Resumindo a história, não vamos dizer que a trama não te envolva. Você quer saber o que vai acontecer com os personagens e qual será o desfecho reservado para nós. Posso dizer que nada surpreende, mas vale como distração, para dar umas risadas e aumentar seu estoque de filmes de terror ruins.

(Visited 1.006 times, 1 visits today)
Luana Caroline Damião

Luana Caroline Damião

Graduada em museologia, fã de faroestes e Christopher Lee, deseja que o mundo acabe com um apocalipse zumbi, onde, certamente, será um dos mortos-vivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien