Channel Zero: Candle Cove (2016) – 1×06: Welcome Home

Channel Zero: Candle Cove (2016) – 1×05: Guest of Honor

channel-zero-1x05-2016-2

Channel Zero: Candle Cove
Original:Channel Zero: Candle Cove
Ano:2016•País:EUA
Direção:Craig William Macneill
Roteiro:Katie Gruel, Mallory Westfall
Produção:Nick Antosca, Craig William Macneill
Elenco:Paul Schneider, Fiona Shaw, Shaun Benson, Luisa D'Oliveira, Luca Villacis, Abigail Pniowsky, Marina Stephenson Kerr, Cassandra Consiglio, Kristen Harris, Benjamin Judson, Keenan Lehmann, Connor Peterson, Tara Koehler, Bruce Novakowski

CUIDADO: SPOILERS DO EPISÓDIO GUEST OF HONOR

Chegamos ao penúltimo episódio de Channel Zero: Candle Cove e, finalmente, fomos agraciados com algumas explicações. O episódio anterior terminou com a morte brutal de Jessica (Natalie Brown), vítima das crianças assassinas lideradas pela Sra. Booth (Marina Stephenson Kerr). Guest of Honor começa no mesmo ponto, mas agora mostrando o corpo esfaqueado, dentro de uma piscina infantil, cercado por policiais. A cena é brutal, e incentiva Amy (Luisa D’Oliveira) a se aprofundar na investigação para descobrir o que está acontecendo em Iron Hill.

Ao saber sobre a morte da amiga, Mike (Paul Schneider) reage da mesma forma que reagiu a tudo durante esta temporada, mas decide investigar por conta própria a casa da Sra. Booth, acompanhado de Gary (Shaun Benson). Lá ele descobre que os bonecos de Candle Cove não são os mesmos que apareciam no programa de TV, mas consegue chamar a atenção da professora, que marca um encontro em um antigo parque aquático, com a orientação de ir sozinho. Infelizmente, o policial Simon (Bruce Novakowski) aparece e acaba caindo nas mãos das crianças e de uma Sra. Booth vestida de Jawbone. Mike acaba tendo mais um de seus sonhos estranhos e, desta vez, a mensagem é premonitória.

channel-zero-1x05-2016

É no encontro entre a Sra. Booth e Mike, agora na casa de Marla (Fiona Shaw) que a professora explica o surgimento de Candle Cove e por que os incidentes de 30 anos atrás estão acontecendo novamente: Eddie (Luca Villacis) não foi transformado por Candle Cove, mas o criou. E faz sentido a maldição ser um programa de TV infantil, já que surgiu da mente de uma criança. A explicação da Sra. Booth, que idolatra Eddie ao ponto de ter oferecido seu filho, Jacob (Connor Peterson), a ele como sacrifício, mantêm o tom sobrenatural da trama e mostra que o que vimos ao longo da temporada não estava apenas na cabeça de Mike, mas é algo real.

O último episódio de Channel Zero: Candle Cove vai mostrar se Mike conseguirá impedir que Eddie tome seu corpo para voltar à vida, mas esperamos que, além disso, finalmente explique o único mistério que ainda ficou no ar: quem é a Criança de Dentes? Será mesmo Jacob? Independentemente de como essa história vai terminar, o finale promete ser tão perturbador e bizarro quanto os episódios anteriores.

(Visited 1.184 times, 4 visits today)
Silvana Perez

Silvana Perez

Escolheu alguns caminhos errados e acabou vindo parar na Boca do Inferno.

2 comentários em “Channel Zero: Candle Cove (2016) – 1×06: Welcome Home

  • 31/01/2019 em 01:37
    Permalink

    Não sei. Um plot muito fascinante, fotografia respeitável, mas o texto das falas me soou muito pouco natural. Vcs podem notar como é raro uma personagem ter uma fala com mais de uma frase. Às personagens às vezes parecem não conversar, mas apenas reagir uma à fala da outra. Outras vezes a sensação é de que as conversas são excessivamente objetivas. Cada personagem fala o que tem de falar com muito propósito e isso chega a criar um efeito bizarro (no sentido nâo muito positivo) de q todo mundo na história parece consciente de estar numa série de tv e não no universo ficcional do roteiro. Enfim, como adaptação achei muito criativa. À irônica exceção das crianças, nunca vi personagens tão esquisitinhas

    Resposta
  • 23/11/2016 em 15:37
    Permalink

    Muito boa essa série!
    Pouca apelação com efeitos especiais e pirotecnia com uma história bem convincente.
    Recomendo.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *