Conto Tinha Uns Olhos da Cor da Tempestade já está disponível na Amazon

Tinha Uns Olhos da Cor da Tempestade (2016) D
Conto gira em torno de Dezidério, personagem presente em histórias do Bairro da Cripta

Depois de lançar dois volumes da pentalogia O Bairro da Cripta, As Elegias e Os Epitáfios, o autor M. R. Terci lançou o conto Tinha Uns Olhos da Cor da Tempestade: Um Causo do Bairro da Cripta – Dezidério.

Como o próprio nome indica, o conto gira em torno de Dezidério, personagem que apareceu nos dois livros já lançados da pentalogia. Tinha Uns Olhos da Cor da Tempestade é uma prévia de O Bairro da Cripta – Tomo III – As Exéquias, e já está disponível em ebook na Amazon.

Quem se aventura pelas trilhas ermas e mal divisadas dos Montes, à oeste de Tebraria, logo se vê diante de uma incomensurável plantação de ervas cor de sangue. Sua aparência rubra transcende o sentido comum das coisas do campo, ao passo que seu gosto amargo transgrede sobremaneira qualquer senso de utilidade. Uma ou outra benzedeira faz-lhe uso. Sinhá Cida reza uma Ave-Maria enquanto trança a rama vermelha no cabelo do doente com gota e da moça com quebranto.

O dono dessas terras é Dezidério, velhinho de aparência inofensiva, sorriso infantil e uma sombra diabolicamente faminta.

AH! Venham comigo, em direção ao Bairro da Cripta. Vamos por esta estrada. Pelas colinas escarpadas, lugar de vento frio que faz gelar a alma de toda gente. Em redor de imenso e desfolhado bosque de ipês, dar-vos-ei conhecimento daquilo que espreita por este caminho. Vou dizer-vos algo que não querem ouvir. Vou mostrar onde está escuro.

(Visited 22 times, 1 visits today)
Silvana Perez

Silvana Perez

Escolheu alguns caminhos errados e acabou vindo parar na Boca do Inferno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *