CCXP Worlds 2020: Elenco de World Beyond participou de uma divertida live

0
(0)

Terminou na última segunda-feira a primeira temporada do spin off The Walking Dead: World Beyond, que manteve os efeitos gráficos da original, mas com conteúdos relacionados ao universo adolescente. O palco principal da CCXP Worlds teve um breve bate-papo com o elenco jovem da série, Aliyah Royale (que interpreta Iris), Alexa Mansour (a Hope), Hal Cumpston (o Silas) e Nicolas Cantu (o Elton), além do criador Matthew Negrete, em holograma.

Mesmo com a conversa descontraída para falar sobre a audição para os personagens e até seus filmes de terror favoritos, era facilmente notado que eles mantêm muitas características de seus representantes na série. Alexa com respostas mais inteligentes e com mais seriedade (disse que o filme de terror dela é a vida!!), Aliyah em seu estilo falante como sua personagem (adora terror, e seu subgênero favorito coincidentemente são os filmes de zumbis), Hal como o quietão e de poucas palavras, e Nicolas, com mais irreverência, ao dizer que adoraria vir ao Brasil por saber que aqui tem tecnologia de hologramas e tal.

Negrete falou sobre a criação da série, da produção e até escolha do elenco, com elogios aos jovens atores pela performance já demonstrada.

Como a série já foi renovada para uma segunda temporada, já receberam convites para vir na CCXP presencial no ano que vem, com a expectativa do fim da pandemia.

Vamos aguardar que isso realmente aconteça!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Marcelo Milici

Professor e crítico de cinema há vinte anos, fundou o site Boca do Inferno, uma das principais referências do gênero fantástico no Brasil. Foi colunista do site Omelete, articulista da revista Amazing e jurado dos festivais Cinefantasy, Espantomania, SP Terror e do sarau da Casa das Rosas. Possui publicações em diversas antologias como “Terra Morta”, Arquivos do Mal”, “Galáxias Ocultas”, “A Hora Morta” e “Insanidade”, além de composições poéticas no livro “A Sociedade dos Poetas Vivos”. É um dos autores da enciclopédia “Medo de Palhaço”, lançado pela editora Évora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.