Stephen King fala sobre aparições de palhaços nos Estados Unidos

0
(0)
Stephen King (1)
King disse que também teria medo se desse de cara com um palhaço fora do circo

No mês passado falamos sobre um homem misterioso que apareceu nos arredores de um condomínio na Carolina do Sul vestido de palhaço e tentando atrair crianças para a floresta. A polícia não conseguiu desvendar o mistério e, nas semanas seguintes, o mesmo começou a acontecer na Carolina do Norte, assustando os residentes de Greensboro e Winston-Salem.

Chegou-se a cogitar a possibilidade de as aparições se tratarem de uma jogada de marketing para o remake de It, que chega aos cinemas no dia 8 de setembro de 2017, mas esta teoria já foi desmentida. Mesmo assim, o jornal Bangor Daily News, publicado na cidade natal de Stephen King, perguntou ao autor o que ele achava do caso, e ele falou sobre o motivo de ter usado um palhaço como forma do predador de It.

“Eu escolhi o palhaço Pennywise como o rosto com que o monstro aparece originalmente para as crianças porque elas adoram palhaços, mas também os temem”, explicou King. “Com seus rostos brancos e seus lábios vermelhos, palhaços são muito diferentes e grotescos se comparados a pessoas “normais”. Leve uma criança ao circo e, se você lhe mostrar um palhaço, é mais provável que ela grite de medo do que ria”.

King disse que suspeita que estas aparições são parcialmente agravadas por uma “leve histeria coletiva”. “O furor do palhaço vai passar, como costuma acontecer, mas vai voltar, porque, sob as circunstâncias certas, palhaços podem ser aterrorizantes”, afirmou o autor, que admitiu não ser imune: “Se eu visse um palhaço à espreita sob uma ponte isolada (ou me olhando de um bueiro, com ou sem balões), eu também ficaria com medo”.

E vocês, o que fariam se encontrassem um palhaço à espreita?

Você quer um remak...ops, um balão?

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Silvana Perez

Escolheu alguns caminhos errados e acabou vindo parar na Boca do Inferno. Ainda fala de feminismos no Spill the Beans e de ciclismo no Beco da Bike.

One thought on “Stephen King fala sobre aparições de palhaços nos Estados Unidos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.