Sorte de Quem? (2022)

4
(2)

Sorte de Quem?
Original:Windfall
Ano:2022•País:EUA
Direção:Charlie McDowell
Roteiro:Charlie McDowell, Jason Segel, Justin Lader, Andrew Kevin Walker
Produção:Lily Collins, Charlie McDowell, Duncan Montgomery, Alex Orlovsky, Jesse Plemons
Elenco:Jason Segel, Lily Collins, Jesse Plemons, Omar Leyva

Em Sorte de Quem?, disponível na Netflix (título besta para o mais poético Windfall, expressão que traduzida quer dizer sorte súbita ou inesperada), temos um homem (Jason Segel) que invade uma casa de veraneio e é surpreendido com a chegada dos donos (Jesse Plemons e Lily Collins). Ele, um tubarão da administração dono de um conglomerado de empresas, e ela, sua esposa, troféu em busca de algum sentido para sua vida fútil.

Este thriller de suspense se escora na ótima atuação do trio central (com destaque para Jesse Plemons, que concorreu ao Oscar de ator coadjuvante por Ataque dos Cães e vem se destacando cada vez mais com papéis em filmes importantes) e na boa direção de Charlie McDowell, que sabe explorar a casa e os arredores (uma plantação de laranjas) com muita eficiência.

O roteiro, todavia, é um tanto maniqueísta a princípio, principalmente nas motivações do invasor que pode ou não ter sido prejudicado pelo empresário. Há, sem dúvida, uma forte tendência em fazer uma crítica social perfeitamente pertinente mas que soa rasa no encaminhamento do filme. Crítica social não é a especialidade do cinemão americano, e faltou alguma ousadia em aprofundar e tocar mais fundo na ferida.

Contudo, lá pelo terço final do filme ocorre um fato que muda a dinâmica até então proposta e abala ainda mais a estrutura desses personagens já fragilizados por essa situação limite. Basta dizer que o filme termina de forma bastante satisfatória, fugindo do lugar comum. Se não é surpreendente, é diferente o bastante para deixar o espectador com um oh! travado na garganta.

Apesar de ser um filme menor na carreira dos envolvidos, produzido durante a pandemia, trata-se de uma obra cooperativa, onde todos os atores participaram de mais de uma forma na realização (Jesse e Lily na produção e Jason na história) e, dessa forma, até que o longa se sai muito bem ao gerar tensão entre esses personagens confinados.

Alerta final: o início do trailer tem uma chamada informando que o roteirista é o mesmo de Seven (1995). Está correto: Andrew Kevin Walker escreveu ambos, mas são filmes completamente diferentes. Quem espera uma experiência neste novo longa baseada no filme anterior sairá completamente decepcionado. São duas situações distintas sem qualquer chance de comparação. Enquanto Seven é uma tempestade toda cheia de som e fúria, Sorte de Quem? está mais para alguns trovões em um dia de chuva bem mais calmo…

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Ricardo Gazolla

Formado em Direito e trabalhando no setor privado, apaixonado por cinema desde a infância quando assistiu Os Goonies (1985) na tela grande. Sua predileção pelo horror começou um pouco depois ao conhecer em VHS A Hora do Pesadelo (1984), Renascido do Inferno (1987) e A morte do demônio (1981). Desde então o cinema se tornou um hobby, um vício socialmente aceito, um objeto de estudo, um prazer público e, agora, no site Boca do Inferno, uma forma de comunicação com as pessoas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.