Falando no Diabo #04 – Love is in the Hell

Qual data comemorativa mais combina com filmes de terror? Halloween, a maioria diria. Mas hoje vamos discordar. Adiantamos um pouquinho o lançamento desse episódio porque o assunto de hoje é o Dia dos Namorados!

Nesse episódio falamos sobre alguns de nossos casais favoritos do gênero, tanto daqueles mais fofos quanto dos que não são bons exemplos a serem seguidos, além de indicarmos nossos filmes favoritos com casais apaixonados.

Equipe de gravação:
Silvana Perez
Ivo Costa
Luana Damião
Samuel Bryan

Edição:
Maurício Murphy

Se você acompanha nosso conteúdo e pode nos ajudar a manter o Falando no Diabo e o Boca do Inferno vivos, acesse nosso Padrim e conheça as formas de colaborar e as recompensas.

Estamos no Spotify!

(Visited 323 times, 1 visits today)
Silvana Perez

Silvana Perez

Escolheu alguns caminhos errados e acabou vindo parar na Boca do Inferno.

3 comentários em “Falando no Diabo #04 – Love is in the Hell

  • 27/04/2020 em 19:59
    Permalink

    Galera, sem spoilers, por favor!!! Inclusive é preciso avaliar os comentários dos infernautas, contando o final dos filmes…
    Eu também nunca tinha pensado na relação de Oskar e Eli além de algo “bonitinho”. Mas realmente, ela não é uma criança e sob essa perspectiva, tudo muda!

    Resposta
    • Silvana Perez
      28/04/2020 em 09:34
      Permalink

      Oi Joana! Desculpe pelos spoilers sem aviso. Passaremos a deixar mais claro quando os spoilers começarão.

      Resposta
  • 03/11/2019 em 15:17
    Permalink

    Sempre pensei em “Deixa ela entrar” como uma narrativa sombria sobre duas pessoas lutando contra a solidão. E, por isso, os protagonistas terminarem juntos e felizes (à sua maneira) me pareceu o final mais provável.
    Nunca analisei a relação entre Oskar e Eli da forma como vcs apresentaram. É pessimista? Sim, mas possível. Essa interpretação se vale de elementos da história. Só por isso, já valeu o podcast!
    E falando sobre casais de filmes de terror, lembrei de outros dois: o casal de “O retorno dos mortos-vivos 3”- onde o protagonista faz de tudo para salvar a namorada zumbi ( linda, mesmo depois de morta); e o pai e a mãe de “As criaturas atrás das paredes”- pq o amor supera todas as barreiras, até mesmo o incesto…
    A trilha sonora romântica do programa com temas clássicos de motelzinho barato foi demais! 😉

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *