Horreviews #64: Inferno ao Vivo (1985)

Do mesmo diretor de Holocausto Canibal, um filme cheio de aventura, cocaína, seitas, mortes violentas e Michael Berryman!

Confira nossa análise em vídeo, com curiosidades e tudo o que você gostaria de saber sobre a produção!

Inscreva-se no canal para acompanhar nossas reviews, às sextas-feiras!

(Visited 178 times, 1 visits today)
Gabriel Paixão

Gabriel Paixão

Colaborador e fã de bagaceiras de gosto duvidoso. Um Floydiano de carteirinha que tem em casa estantes repletas de vinis riscados e VHS's embolorados. Co-autor do livro Medo de Palhaço, produz as Horreviews e Fevericídios no Canal do Inferno!

Um comentário em “Horreviews #64: Inferno ao Vivo (1985)

  • 25/05/2019 em 11:50
    Permalink

    Assisti esse filme ontem. Por incrível que pareça, consegui baixá-lo em Alta Definição. Estou numa maratona de filmes com a temática canibal. Apesar de Inferno ao Vivo não ter essa pegada canibal, o Diretor é o Ruggero Deodato, por isso fiquei curioso para conferir esse filme. A Verdade é que tem mais filmes sobre canibalismo ruins do que bons. O que mais gostei até agora foram: O Último Mundo dos Canibais (1977), com Maximo Foschi e A Montanha dos Canibais (1978), com Ursula Andress. Esses 2 até que são bonzinhos….

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien