Damien (2016) – 1ª Temporada

Damien (2016) – 1×04: The Number of a Man

Damien (2016) (3)

Damien - 1ª Temporada
Original:Damien - First Season
Ano:2016•País:EUA
Direção:Bronwen Hughes
Roteiro:Nazrin Choudhury
Produção:Glen Mazzara; Mark Kruger; John Ryan
Elenco:Bradley James; Tiffany Hines; Barbara Hershey; Megalyn Echikunwoke, Omid Abtahi, David Meunier, Robin Weigert, Sandrine Holt

Finalmente! Depois de três episódios medíocres e sem brilho, Damien entregou seu primeiro de qualidade, fazendo valer a esperança que muitos depositaram na série. Apesar de nova queda de audiência, este foi o mais amarrado e interessante da trama até o momento, mostrando que o hype é real.

Neste quarto capítulo da saga do Anticristo, um dos grandes problemas recorrentes até então foi devidamente trabalhado. Os personagens secundários ganharam arcos interessantes e dignos de atenção. A introdução do episódio mostra Simone encontrando um feto de pássaro dentro de sua banheira, em uma macabra exibição do sobrenatural. Posteriormente, uma parente da moça leva um Witch Doctor – ou macumbeiro – para realizar um ritual de proteção na casa dela, para evitar que coisas como pássaros mortos voltem a aparecer. Até então, tanto Simone quanto o Witch Doctor acreditavam que as forças estranhas na vida dela eram apenas o espírito inquieto da irmã falecida no episódio piloto. No entanto, o ritual revela o número da besta e um clima de apreensão toma conta. A cena em si foi a mais fraca do episódio, já que se dispôs de efeitos de câmera no mínimo amadores para retratar o ritual.

Damien (2016) (1)

Amani Golkar, o melhor amigo do filho do capeta, conhece a estonteante Veronica Selvaggio, interpretada pela belíssima Melanie Scrofano, que havia sido introduzida brevemente no episódio anterior como uma lacaia de Ann Rutledge. Ann, por sua vez, permanece a personagem mais cínica e interessante da série. Após orquestrar a morte de um colega no episódio três, no intuito de manter-se próxima de Damien, ela faz um discurso emocionado em homenagem ao defunto. A relação entre a mulher e Damien continua bem conflituosa e interessante; Barbara Hershey emana tensão sexual sempre que está ao redor dele, enfatizando ainda mais a relação doentia entre ambos.

A grande surpresa do episódio e que sem dúvidas foi o ponto alto da série foi a relação entre Damien e o detetive Shay, que até então era apenas mais um personagem jogado na trama. Neste episódio, o personagem toma contornos mais bem elaborados, conforme ele se revela um investigador perspicaz, que mesmo incapaz de ligar Damien aos acontecimentos macabros que o cercam, mostra-se decidido e disposto a acreditar em diferentes possibilidades. Em um dado momento, os dois engajam em uma discussão acalorada cheia de ameaças veladas, em que ambos apresentam as suas verdadeiras cores. Bradley James vai aos poucos se afirmando no papel, principalmente nas cenas em que precisa parecer mais ameaçador. Logo após a discussão entre os dois que acaba de forma relativamente pacífica, a mera presença de Damien faz um homem enlouquecer e se auto mutilar. Tal cena, associada com uma música de orquestra digna do filme original, foram o momento mais chocante da série nestes quatro capítulos.

Damien (2016) (2)

O outro ponto alto do episódio também envolveu o policial. Já na reta final, o detetive Shay é apresentado de forma totalmente diferente, como um amável pai de família e um homem gay. Junto com seu parceiro (a relação exata não fica clara), moram em uma casa nos tradicionais subúrbios americanos. Em um momento de descuido, em que deixam o filho sozinho, um rottweiler do inferno aparece e conduz o menino para dentro de uma piscina abandonada. O que se segue foi uma sequência realmente assustadora, uma manifestação original e criativa de forças das trevas.

Apesar da considerável melhora, ainda é cedo para comemorar demais. Faltam seis episódios para o fim da temporada e os números de audiência continuam caindo. Com sorte as possíveis críticas positivas surtirão algum efeito sob o público, ficando por conta de a série manter um padrão de qualidade digno.

(Visited 535 times, 1 visits today)
Daniel Rodriguez

Daniel Rodriguez

Belorizontino, professor de inglês, psicólogo de formação e fã do bizarro, do estranho, do surreal, do sanguinário e do monstruoso!

3 comentários em “Damien (2016) – 1ª Temporada

  • 21/06/2016 em 14:49
    Permalink

    Particularmente não gosto do terceiro filme, embora a atuação do Sam Neil seja boa. Não gosto desse filme, porque o modus operandi para destruir Damien, bem claro no primeiro e no segundo filme se desfaz : Eram necessárias TODAS as adagas, cravadas no corpo em posições específicas e com finalidades distintas. No terceiro filme, cada padre fica com uma adaga para tentar matar individualmente o Damien. Não cola. Além do mais, o final do filme é apressado e mal amarrado. Quem espera um grande conflito, de proporções bíblicas (como seria de se esperar, já que o personagem e os fatos se baseiam no livro do Apocalipse) se decepciona muito…

    Resposta
  • 08/06/2016 em 13:49
    Permalink

    Fiz esse comentário antes da série ser cancelada, mas já esperava que isso fosse acontecer, confesso que a série começou à me preocupar (e muito!) logo no episódio dois (tá bom, no 1 também), não encontrava carisma em nenhum dos personagens (o próprio Damien demorou um pouco mas depois ficou ok) no episódio 1.06 Temptress acho que deu medo em todos os fãs de tudo ir ladeira abaixo (eu!) para no final mostrar que foi um sonho (ufa!). É difícil analisar uma série com essa premissa sem comparar com o filme clássico ou até mesmo o livro, ainda mais com a série mostrando várias cenas e citações do filme, mas se ela passar à andar com as próprias pernas (e eu espero que comece) tem tudo para se tornar uma grande série, imaginem eles explorando a influência de Damien na Casa Branca, os contatos e o caminho ele já tem através da dupla Ann Rutledge e do John, creio que isso cedo ou tarde acabe acontecendo, vamos esperar e torcer para que agora que o Anticristo despertou a série e os personagens também despertem. O que não veremos isso acontecer.

    Resposta
  • 25/05/2016 em 19:41
    Permalink

    Fico triste com o fim da serie, acho que sou um dos poucos que realmente gostou da serie e que era fã dos filmes.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien