Mulher afirma que O Exorcista acabou com sua vida!

0
(0)

Em sua ótima série de resgate de clássicos, a rede Cinemark está trazendo para os cinemas, neste dia 4 de abril, o clássico absoluto de possessão demoníaca, O Exorcista, de William Friedkin, com Linda Blair, Ellen Burstyn e Max von Sydow. Essa reestreia vem num momento oportuno, com a notícia publicada no Metro UK referente a uma trauma causado pelo filme a uma mulher.

A moradora de Manchester, Gina Frost, teve a oportunidade de ver o filme no fim de semana de estreia, em 1973, quando, de acordo com algumas fontes da internet, muitas pessoas fugiram dos cinema ou se esconderam atrás dos assentos. Gina não foi uma destas covardes durante a exibição do filme, mas passou a sofrer inúmeras consequências na semana seguinte. Aos 57 anos, ela diz que ser assombrada por visões de sua própria morte foi apenas a ponta do iceberg diante dos pesadelos que a aterrorizaram durante toda a sua vida.

“Uma semana depois que vi o filme, eu via ratos subindo as paredes.”, ela conta, “Eu me tranquei em meu quarto por semanas, pois estava petrificada de medo.”

Ela visitou um médico que atestou que ela sofria de Transtorno de estresse pós-traumático, fazendo com que sua mente voltasse sempre para a fatídica noite de exibição do filme. Embora ela tenha que conviver com fortes medicamentos, Gina afirma que o filme ainda continua presente em sua vida, mesmo 40 anos depois do episódio.

Não só em sua vida, Gina!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Marcelo Milici

Professor e crítico de cinema há vinte anos, fundou o site Boca do Inferno, uma das principais referências do gênero fantástico no Brasil. Foi colunista do site Omelete, articulista da revista Amazing e jurado dos festivais Cinefantasy, Espantomania, SP Terror e do sarau da Casa das Rosas. Possui publicações em diversas antologias como “Terra Morta”, Arquivos do Mal”, “Galáxias Ocultas”, “A Hora Morta” e “Insanidade”, além de composições poéticas no livro “A Sociedade dos Poetas Vivos”. É um dos autores da enciclopédia “Medo de Palhaço”, lançado pela editora Évora.

5 thoughts on “Mulher afirma que O Exorcista acabou com sua vida!

  • 08/04/2015 em 19:49
    Permalink

    vamos se colocar no lugar das pessoas…estamos falando de 1973 uma época em que os filmes eram extremamente rústicos e os monstros davam vontade de rir tipo fantasia de carnaval…ai vem o exorcista um filme muito a frente do seu tempo vc assiste ele hoje e ele se encaixa facilmente nos filmes dos anos 80..sendo que ele e de 1973 .veja por esse lado.massacre da serra elétrica veio depois dele….canibal holocauste também,Evil Dead ja foi de 1981 todos filmes revolucionários,mas todos depois do exorcista

    Resposta
  • 03/04/2015 em 23:02
    Permalink

    Não acredito que estou lendo umas coisas dessa…Se fosse jogo de terror eu me calava que realmente dá medo mais um filme um mulherão desse precisa de psicólogo?Se ela assistir os filmes hoje ela morre então puts…Eu assisti esse filme no SBT em 2004 quando tinha anos e não tive um pingo de medo junto com O Iluminado e era de madrugada agora ela junto com 500 pessoas ainda teve medo…Povo de 1980 para baixo era muito medroso…Passavam mal com Psicose,O Massacre da Serra Elétrica e O Exorcista…:p

    Resposta
    • 08/04/2015 em 03:24
      Permalink

      Olha a época, maluco. A criançada de hoje vê mutilação verídica e não tá nem aí. Nos anos 70 esses filmes realmente assustavam as pessoas. É questão de época vivida. Quando o filme teve relançamento nos cinemas, em 2000, várias pessoas riam do abacate vomitado e da cabeça virando.

      Resposta
    • 12/04/2015 em 09:10
      Permalink

      Vc já ouviu falar em vírgula? Não dá entender nada que vc escreveu!

      Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.