Filme perdido de ZÉ DO CAIXÃO será exibido no Fantasporto International Film Festival

4.6
(5)

Boa notícia para aqueles que “acreditam no sobrenatural ou têm coragem de brincar e desafiar o desconhecido”. Trata-se do lançamento de A Praga, filme inédito de José Mojica Marins, o Zé do Caixão. A obra inédita, e dada como perdida desde a década de 1980, foi resgatada e poderá ser vista em abril na 42ª edição do Fantasporto International Film Festival, em Portugal.

A Praga seria, originalmente, um episódio da série Além, Muito Além do Além, exibida pela Rede Bandeirantes nos anos de 1967 e 1968, e conta a história de um jovem que provoca a ira de uma senhora e, por isso, é amaldiçoado por ela, recebendo a tal “praga” do título. A proposta do episódio ficou inconclusa até 1980, quando houve mais uma tentativa de lançá-lo, mas, mais uma vez, foi engavetado por falta de recursos para sua finalização. Conforme informações da Folha de São Paulo, o projeto foi suspenso por período indeterminado, até que as latas de negativos em película Super 8 com as filmagens foram encontradas pelo produtor Eugênio Puppo em 2007, quando preparava uma retrospectiva da obra do cineasta.

A versão definitiva de A Praga, concluída e restaurada sob a direção de Puppo e com a participação do próprio José Mojica Marins na narração, tem 50 minutos de duração e teve, até o momento, uma única exibição pública, em outubro do ano passado, no 54º Festival de Cinema de Sitges, na Espanha.

A Praga ainda não tem previsão de estreia no Brasil.

Os atores Felipe Von Rhime e Silvia Gless em cena de A Praga

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.6 / 5. Número de votos: 5

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Pedro Emmanuel

Cearense, jornalista, quase geógrafo (ainda cursando), meio praieiro e ligeiramente antissocial. Minha viagem é aprender o máximo possível sobre a vida e sobre a morte, e assim ir assimilando alguns mistérios da existência. Vivo como se fosse um detetive, mas minha mente vagueia muito. Sou fã de Star Trek, Jefferson Airplane, e do Massacre da Serra Elétrica original.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.