Negative Image (2010)

Negative Image (2010)
O terror revelado!
Negative Image
Original:Negative Image
Ano:2010•País:EUA
Direção:Karl Hold
Roteiro:Karl Hold
Produção:Darkline Entertainment
Elenco:Peter Moynihan

Um artista é uma criatura guiada por demônios. Ele não os escolhe e geralmente está ocupado demais para saber o motivo de ter sido escolhido por estes demônios

O que você faria por uma imagem única? O fotógrafo David (Peter Moynihan) está disposto a fazer o que for preciso para que as suas fotos voltem a ser publicadas na capa da revista Paranormal Times. Para isso, David decide tentar alguns cliques em uma casa abandonada na esperança de provar que através de filmes fotográficos, é possível capturar imagens de fantasmas. Esse é o mote do curta-metragem inglês Negative Image (2010), dirigido por Karl Hold, vencedor do desafio Mestre dos Gritos do Cinefantasy 2011. O resultado é bastante interessante.

Após uma interessante introdução, no qual percebemos que David realmente quer conseguir uma foto única para ser a capa da revista, somos apresentados ao cenário no qual o jovem fotógrafo vai passar alguns dias: um casarão abandonado no meio do nada. Esse cenário não parece com a maioria das casas assombradas vistas no cinema, já que o diretor Hold optou por criar uma construção abandonada, ou seja, não necessariamente assustadora, mas que funciona dentro da proposta do filme.

Vai ser nessa casa abandonada que David vai fazer as suas primeiras fotos, passando por diversos cômodos até encontrar uma caixinha de música que ao ser aberta, parece despertar algo… Ao chegar em casa, David se tranca no laboratório para revelar as fotos utilizando para isso papel fotográfico e químicos. Claro que nesse momento, a própria ambientação de um quarto escuro de fotografia por si só já cria uma visão interessante e claustrofóbica. Os movimentos de câmera são bem feitos de modo a explorar esse ambiente e as ações feitas por David. É durante o processo de revelação que David encontra algo em uma das fotos. Uma sombra, uma marca, que não aparece no negativo.

A partir deste episódio, David vai perceber que a sua grande foto parece ser real, o que o deixa tomado por sentimento de medo de que o fantasma em questão não esteja apenas na foto, mas tenha acompanhando-o para a sua própria casa. Claro que algumas situações previsíveis acontecem como portas que estavam abertas e de repente se abrem ou luzes que se apagam em momentos estratégicos, mas esses elementos previsíveis não tiram um bom clima de tensão do fotógrafo em busca de fantasmas até porque o diretor Karl Hold nos apresenta boas cenas, com destaque para a do pesadelo e a do quintal da casa do personagem, além de uma fotografia bem trabalhada.

Outro elemento interessante da trama e que em algumas outras produções semelhantes poderiam ser mal aproveitadas é o fato de David não falar durante o filme. Isso acontece de forma lógica porque ele passa o filme inteiro sozinho. Essa observação parece sem importância, mas é muitas vezes na ausência de diálogos que momentos de tensão são construídos e aqui, são bem construídos.

Negative Image é uma produção assinada pela Darkline Entertainment, que foi criada quando o diretor Karl Hold tinha 16 anos. Hoje ele segue trabalhando com o que ele denomina sendo um pequeno, mas muito talentoso grupo. Na apresentação do site oficial da Darkline, ele diz esperar ansioso para em breve fazer seu próprio longa metragem. Se Negative Image serve como portfolio, o jovem diretor está começando bem.

(Visited 89 times, 1 visits today)
Filipe Falcão

Filipe Falcão

Jornalista formado e Doutor em Comunicação. Fã de filmes de terror, pesquisa academicamente o gênero desde 2006. Autor dos livros Fronteiras do Medo e A Aceleração do Medo e co-autor do livro Medo de Palhaço.

4 comentários em “Negative Image (2010)

  • 02/06/2014 em 15:29
    Permalink

    Alguem tem uma dica de onde eu possa assistir esse filme online ? Grato…

    Resposta
  • 03/05/2013 em 21:56
    Permalink

    pelos número de caveiras deve ser bom.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *