O Massacre 2: De Volta ao Acampamento (2003)

0
(0)

O Massacre 2 (2003)

O Massacre 2: De Volta ao Acampamento
Original:Bloody Murder 2: Closing Camp
Ano:2003•País:EUA
Direção:Rob Spera
Roteiro:John R. Stevenson
Produção:Marc Bienstock
Elenco:Katy Woodruff, Tyler Sedustine, Amanda Magarian, Kelly Gunning, Tiffany Shepis, Raymond Novarro Smith, Arthur Benjamin, John Colton, Carl Strecker

A sequência para o inexpressivo Blood Murder, de 2000, dirigido pelo insosso Ralph E.Portillo, veio com a promessa de um filme mais violento e gráfico, mais bem dirigido e editado, ainda que mantenha o mesmo roteirista, John R. Stevenson. Blood Murder 2: Closing Camp surgiu três anos depois do insucesso do original, tentando uma reformulação em toda sua estrutura, do elenco ao visual do assassino. A ideia desta vez era brincar também com outras franquias como A Hora do Pesadelo e, principalmente, Halloween, lembrado no rosto sem vida da máscara do assassino. Inclusive o filme foi lançado na Inglaterra de modo ainda mais cara-de-pau, com o título Halloween Camp: Trevor vs Jason – observe a capa do filme lançada por lá e compare com a de Halloween VI:

O Massacre 2 (2003) (4)

O filme começa com um pesadelo. A jovem Tracy Hathaway sonha com seu irmão Jason Hathaway (que no final de Blood Murder foi surpreendido por Trevor Moorehouse – notadamente, o ator que interpretava Jason no filme anterior era outro…mas, também, quem vai se lembrar disso?), envolto numa névoa sinistra, pedindo ajuda até ser rasgado por uma motosserra. Detalhe para a serra atravessando seu corpo, totalmente onscreen, mostrando que em algum aspecto realmente tentaram melhorar. Esse sonho irá se repetir por algumas vezes, com pequenas alterações no decorrer do filme, terminando sempre com a jovem acordando desesperada.

Mais um grupo de jovens está no acampamento Placid Pines trabalhando a serviço de um monitor. Desta vez, eles não estão lá com a função de prepará-lo para as férias, mas simplesmente fechá-lo devido ao ocorrido naquele fatídico verão, onde uma pessoa matou diversos monitores numa vingança pouco sangrenta. O grupo é composto por rostos desconhecidos em mais homenagens a atores e personagens de outras produções do gênero: se no primeiro filme, a mocinha namorava um rapaz chamado Jason, neste Tracy namora o safado Michael (referência ao ícone de Halloween), que logo vai se envolver nas matas com Ângela (fugida de Acampamento Sinistro?). Além destes, circula pelo acompamento: Rick, Ryan, Elvis, Sophie, e o recém-chegado, James. Todos jovens descartáveis com o objetivo único de morrer de forma sangrenta para nossa satisfação.

O Massacre 2 (2003) (2)

Bem mais gráficas, as mortes vão se tornando um dos únicos atrativos do longa, além da tentativa de descobrir a identidade do novo assassino. Será que Trevor Moorehouse está fazendo vítimas? Seria Nelson Hammond? Ou até mesmo Jason? Ainda que tenha existido algum esforço, nenhuma cena violenta chega a surpreender ou chocar o telespectador – a melhorzinha envolve um esquartejamento sangrento e bem lento. E o novo serial killer nem tenta esconder os corpos, já chamando a atenção da polícia logo no início, o que traz uma grande dúvida: por que a polícia continua deixando os jovens trabalharem no local, se a todo momento um corpo aparece nas folhagens?

Com muito mais clima de suspense, Blood Murder 2: Closing Camp é muito melhor do que o primeiro filme – o que não era uma tarefa difícil – mas ainda assim está longe de ser interessante. Dirigido por Rob Spera, que entre produções eróticas, comandou algumas tranqueiras do gênero – Witchcraft e Leprechaun in the Hood (o quinto filme da franquia do Duende) -, o longa não foi lançado em DVD no Brasil, mas, como o original, foi exibido no Telecine Premium com o título O Massacre 2: De Volta ao Acampamento.

A lâmina não condiz com a posição da motosserra...
Como assim? A lâmina não condiz com a posição da motosserra!!!

Em 2006, a produtora Mainline Releasing lançou uma espécie de spinoff, um slasher ambientado na mesma região – Placid Pines – dos dois filmes da franquia Blood Murder. Trata-se de The Graveyard, de Michael Feifer, que foi lançado no Brasil pela Falls como O Cemitério. Mais um filme ruinzinho que deveria ter afundado de vez qualquer possibilidade de aumentar a franquia. E pensar que há fãs pelo mundo que criaram sites e desenvolvem até mesmo possíveis roteiros para um terceiro filme da série, com crossovers entre personagens famosos e o tal do Trevor Moorehouse. Esses, sim, deveriam passar uma temporada em Placid Pines para quem sabe encontrar seu destino nas lâminas de uma serra…

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

(Visited 466 times, 1 visits today)

Marcelo Milici

Professor e crítico de cinema há vinte anos, fundou o site Boca do Inferno, uma das principais referências do gênero fantástico no Brasil. Foi colunista do site Omelete, articulista da revista Amazing e jurado dos festivais Cinefantasy, Espantomania, SP Terror e do sarau da Casa das Rosas. Possui publicações em diversas antologias como “Terra Morta”, Arquivos do Mal”, “Galáxias Ocultas”, “A Hora Morta” e “Insanidade”, além de composições poéticas no livro “A Sociedade dos Poetas Vivos”. É um dos autores da enciclopédia “Medo de Palhaço”, lançado pela editora Évora.

3 thoughts on “O Massacre 2: De Volta ao Acampamento (2003)

  • 25/04/2015 em 15:34
    Permalink

    Não conheço estes filmes, por isto não tenho o que comentar.

    Resposta
  • 29/03/2014 em 17:50
    Permalink

    Não vi o primeiro , mais como o artigo diz que a sequência é melhor e mais violenta que o original , então despertou a curiosidade !

    Resposta
  • 27/03/2014 em 17:26
    Permalink

    sei nem o que comentar hahaha………

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.