Lugares Escuros (2006)

Lugares Escuros (2006)

Lugares Escuros
Original:In a Dark Place
Ano:2006•País:Luxemburgo, UK
Direção:Donato Rotunno
Roteiro:Henry James, Peter Waddington
Produção:Andreas Bajohra, Eddy Géradon-Luyckx, Jan H. Vocke, Bob Portal
Elenco:Leelee Sobieski, Tara Fitzgerald, Christian Olson, Gabrielle Adam, Graham Pountney, Chris Bearne, Jonathan Fox, Thomas Sanne, Patrick Dechesne, Julian Nest, Sascha Ley

A famosa obra literária sobre fantasmas A Volta do Parafuso (The Turn of the Screw), escrita no final do século XIX por Henry James, serviu de inspiração para vários filmes, sendo o principal o cultuado clássico inglês Os Inocentes (The Innocents, 1961), de Jack Clayton e com Deborah Kerr. O livro também foi a base do roteiro de outro filme mais moderno, Lugares Escuros (In a Dark Place, 2006), estrelado pela bela Leelee Sobieski, e lançado no Brasil em DVD pela California.

Lugares Escuros (2006) (1)

Uma jovem professora e terapeuta de crianças, Anna Veigh (Leelee Sobieski), é demitida do emprego numa escola e encontra outro trabalho como babá numa mansão distante e isolada da cidade, para cuidar de duas crianças que perderam os pais num acidente de avião, Flora (Gabrielle Adam) e Miles (Christian Olson), e que estão sob a custódia de um tio rico, mas relapso. Recepcionada pela governanta Srta. Grose (Tara Fitzgerald), a babá tem a missão de se ambientar na nova moradia, conhecer e interagir com as crianças (que possuem segredos e comportamentos estranhos), se relacionar com a rígida governanta e descobrir os mistérios do passado do lugar, com histórias de fantasmas e tragédias envolvendo a jovem babá anterior e seu amante.

Lugares Escuros (2006)

Lento, cansativo, desinteressante. São alguns adjetivos que rapidamente vem à cabeça para descrever Lugares Escuros, mostrando como o filme está extremamente distante da qualidade do excelente Os Inocentes, fotografado em preto e branco quase cinquenta anos antes. Os fantasmas aparecem pouco e sem nenhum impacto, pois o roteiro de Peter Waddington não soube explorar com eficiência os elementos assustadores e potenciais presentes em espíritos perturbados. As crianças também não conseguem transmitir um comportamento sinistro e inquietante. E a babá interpretada por Leelee Sobieski é infinitamente inferior daquela feita por Deborah Kerr. Sobieski é uma mulher lindíssima e estonteante, mas como atriz é bastante limitada (como já visto anteriormente também em A Casa de Vidro, Perseguição e O Sacrifício). Em vez daquela atmosfera sombria e um horror psicológico que seriam esperados pelo espectador, Lugares Escuros reserva momentos de sono que nos levam à desconcentração pela história, e que só é recomendado aos fãs da beleza de Leelee Sobieski.

(Visited 312 times, 1 visits today)
Juvenatrix

Juvenatrix

Uma criatura da noite tão antiga quanto seu próprio poder sombrio. As palavras são suas servas e sua paixão pelo Horror é a sua motivação nesse Inferno Digital.

Um comentário em “Lugares Escuros (2006)

  • 09/04/2018 em 14:17
    Permalink

    nao entendi o filme .ugares escuros 2006. o probema era as criancas mas depois ela matou o menino??????

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien