Confira o primeiro trailer e novas imagens de RoboCop

0
(0)
Joel Kinnaman vive o personagem título.
Joel Kinnaman vive o personagem título.

Dirigido por José Padilha, RoboCop acaba de ganhar seu primeiro trailer, além de algumas imagens. O longa da MGM e Columbia Pictures é um remake da produção de 1987 dirigida por Paul Verhoeven.

Com estreia no Brasil agendada para o dia 21 de fevereiro de 2014, RoboCop traz no elenco Joel Kinnaman, Gary Oldman, Samuel L. Jackson, Abbie Cornish, Jackie Earle Haley, Michael Kenneth Williams, Marianne Jean-Baptiste, Michael Keaton e Aimee Garcia.

O ano é 2029 e o conglomerado multinacional OmniCorp está no centro da tecnologia robótica. Seus androides estão vencendo a guerra americana ao redor do globo, e agora eles querem trazer essa tecnologia para casa. Alex Murphy é um marido e pai amoroso e um bom policial dando o melhor de si para acabar com a onda de corrupção e crime em Detroit. Depois de ser gravemente ferido enquanto estava a serviço, a OmniCorp usa sua ciência robótica para salvar a vida de Alex. Ele retorna às ruas de sua amada cidade com novas e incríveis habilidades, mas com problemas que um homem comum nunca teve de enfrentar antes.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Silvana Perez

Escolheu alguns caminhos errados e acabou vindo parar na Boca do Inferno. Ainda fala de feminismos no Spill the Beans e de ciclismo no Beco da Bike.

6 thoughts on “Confira o primeiro trailer e novas imagens de RoboCop

  • 15/09/2013 em 19:31
    Permalink

    é o capitão do bope , não gostei dessa mão humana mais isso é o visual, que não existia no primeiro…vamos torcer afinal é um diretor brasileiro..Gosto muito de robocop 2 pra mim o melhor da série..

    Resposta
  • 09/09/2013 em 11:58
    Permalink

    Um dos meus heróis de infância ! Tô torcendo muito para que seja bom. Gostei do trailer

    Resposta
  • 07/09/2013 em 14:44
    Permalink

    queria que tivesse a violência do original,malditos tempos de censura de hoje 🙁

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.