10 Dicas para convencer alguém a assistir um Filme de Terror

0
(0)

Quantas vezes você, fã de filmes de terror e suspense, recebeu um sonoro “não” após convidar algum amigo(a), parente, namorado(a) para assistir aquela produção tão esperada do gênero? “Deus me livre ver uma porcaria dessas”, “você acha que perdi o juízo” ou “não estou jogando dinheiro fora” são apenas algumas das respostas que fazem com que você vá sozinho ao cinema ou para a locadora em busca das produções que tanto o fazem feliz.

Claro que não se deve obrigar ninguém a assistir filmes que não sejam do agrado da pessoa, mas muitas vezes o simples rótulo de “produção de terror ou suspense” já serve para assustar mesmo que não odeie o gênero, mas que também não é tão fã como você. Claro que é melhor assistir ao filme só, do que com alguém reclamando no seu ouvido durante toda a projeção, mas uma companhia, às vezes, não faz mal. Pensando nisso, o Boca do Inferno listou 10 importantes dicas que vão ajudar você a ter alguém ao seu lado na hora de alugar aquele DVD ou ir ao cinema. Siga com cuidado estes 10 conselhos e boa sorte.

1- Quando for fazer o convite, procure contar apenas parte da história para não “chocar” e por ventura espantar o convidado. Não precisa mentir, pois isso pode lhe ocasionar problemas futuros com a pessoa, mas sim omitir certos detalhes da trama, pois isso lhe imune de reclamações corriqueiras. Por exemplo, se você quer assistir O Albergue (Hostel, 2005), existem duas formas de fazer o convite. Na primeira opção, que fará com que você provavelmente assista ao filme sozinho, deve-se contar que se trata de um filme onde três amigos que estão em busca de sexo e diversão no leste Europeu são vítimas de um grupo de loucos que tortura, decepa e mata sem piedade as suas vítimas em cenas bastante explícitas. Pronto, basta comprar apenas um saco de pipoca.

Especial Dicas para Filmes (1)

Numa segunda tentativa de convite, resuma a história de O Albergue da seguinte forma: É um filme gravado no leste Europeu (cult), sobre três amigos que estão viajando em busca de sexo e acabam por chegar em uma cidade onde existe um misterioso lugar repleto de garotas loucas para transar. Uma vez nesse local, algo de estranho começa a acontecer… Viu? Bem mais light. Claro que quando algumas cenas não tão lights passarem na tela, o seu convidado vai lhe questionar o que é aquilo que está sendo exibido. Basta fazer um olhar de espanto e dizer “Eu não sabia que tinha esse tipo de cena no filme”. E torcer para que seu amigo consiga terminar a projeção sem abandonar a sala de cinema.

2- Pessoas adoram assistir filmes que ganharam prêmios internacionais, mas se a honraria em questão for um Oscar (não importa a categoria), já é meio caminho andado para conseguir companhia para algum filme. Embora que películas de terror raramente concorram, ou ganhem, a tais prêmios, mas é sempre bom ficar de olhos abertos pois existem exceções. E vai ser nesse momento que você vai fazer a proposta. “Vamos assistir ao filme Drácula de Bram Stoker (Bram Stoker’s Dracula, 1992)?” Quando o seu convidado questionar. “Mas esse filme presta?”, Não perca tempo e responda “Claro, ganhou 3 Oscars: Melhores Efeitos Sonoros, Melhor Figurino e Melhor Maquiagem. Foi ainda indicado na categoria de Melhor Direção de Arte”.

Especial Dicas para Filmes (2)

3- Mas não existe nada que mais chame público para um filme do que a participação de algum grande astro ou estrela que esteja emprestando seu rostinho lindo para a produção. Geralmente tais atores quando estavam em início de carreira, topavam fazer qualquer coisa e carimbaram os seus currículos com alguns filmes de terror. E olha que não foram poucos. Pra quem não sabe, a queridinha da América Renee Zellweger, debutou no tosco Massacre da Serra Elétrica – O Retorno (The Return Of The Texas Chainsaw Massacre, 1995), Viggo Mortensen fez o anterior O Massacre da Serra Elétrica 3 (Leatherface – The Texas Chainsaw Massacre 3, 1989), Leonardo DiCaprio esteve em Criaturas 3 (Critters 3: You Are What They Eat, 1991), Johnny Depp, começou em A Hora do Pesadelo (A Nightmare On Elm Street, 1984), Meg Ryan esteve em Amityville 3-D (1983) e por aí vai.

Leonardo DiCaprio em "Criaturas 3"
Leonardo DiCaprio em “Criaturas 3”

Alguns destes atores não têm nenhum problema ou constrangimento em dizer que participaram de tais filmes, enquanto outros se envergonham e procuram a todo custo esconder esse passado, principalmente quando tais filmes são relançados e os nomes das então estrelas vem em destaque na capa do filme. A lista é infinita. Pois bem, use isso a seu favor e basta escolher o filme dando ênfase no ator. Quem recusaria ver Nicole Kidman em Os Outros (The Others, 2001)?

4- Nada mais chama atenção de pobres mortais do que uma boa crítica, especialmente de revistas semanais como Veja, Época, entre outras. Claro que é bem raro que tais publicações façam artigos positivas ao gênero, mas as vezes, acontecem. Então é ficar esperto para quando algum jornalista simpatizar com determinado filme e fazer o comentário para o seu convidado. “Você viu que esse filme que eu quero assistir foi elogiado pela Veja? Deve ser bom então, você quer ver?” Boa sorte.

Boca do Inferno elogiando "Pacto Secreto"????
Boca do Inferno elogiando “Pacto Secreto”????

5- Evite títulos muito óbvios como O Massacre da Serra Elétrica (The Texas Chainsaw Massacre, 1974), A Noite dos Mortos Vivos (Night of the Living Dead, 1968) ou Jogos Mortais (Saw, 2004), pois eles afastam qualquer possibilidade de alguém que não goste do gênero acompanhar você ao cinema. Prefira nomes mais discretos como A Casa de Cera (House of Wax, 2005), Eles Vivem (They Live, 1998), A Tempestade do Século (Storm Of The Century, 1999) ou O Buraco (The Hole, 2002).

Especial Dicas para Filmes (5)

6- Faça amizade com o rapaz ou a moça que trabalha na locadora para que este funcionário, sabendo do seu gosto, consiga empurrar filmes que você adora para a pessoa que esteja lhe acompanhando. Exemplo, pegue um filme de terror, diga que é leve ou algum suspense bobo e ninguém melhor do que a pessoa que trabalha na locadora para confirmar sua mentira e dizer “Não é tão pesado assim, a minha namorada que também não gosta, achou interessante”.

Jamie Kennedy dá conselhos na sua locadora em "Pânico"
Jamie Kennedy dá conselhos na sua locadora em “Pânico”

7- Cartazes podem ser um problema, pois como explicar para alguém que um pôster com um pé decepado não pertence a um filme pesado? Por isso, se for pra seu amigo(a) ver o cartaz, que seja de algo mais simples, para não causar espanto a primeiro vista, como dos filmes Alien – O 8º Passageiro (Alien, 1979), que tem na capa do DVD apenas um estranho e aparentemente inofensivo ovo, O Bebê de Rosemary (Rosemary´s Baby, 1962), onde temos um inocente carrinho de bebê, ou Poltergeist – O Fenômeno (Poltergeist, 1982), onde temos uma garotinha olhando para um aparelho de televisão fora do ar.

Especial Dicas para Filmes

8- Chantagem emocional. Nada tem mais poder de convicção do que quando o seu convidado se negar a assistir ao filme de terror, diga sem meias palavras “você é super egoísta, pois quando me chama pra ver aquelas comédias românticas com a Julia Roberts eu vou pra lhe fazer companhia, por amizade ou amor, mesmo sem gostar. Por que você não pode fazer o mesmo por mim uma única vez?

9- Fuja de sequências. Se conseguir companhia para assistir a um filme de suspense já é difícil, imagine se tal produção for uma “parte dois”? Então, se for um “capítulo seguinte”, melhor excluir essa informação como se você próprio não soubesse para evitar de escutar “Como vou assistir ao segundo se não vi o primeiro?” Pra resolver isso, uma vez dentro do cinema, você casualmente “se lembra” que é uma continuação e se o filme não for auto explicativo, faça um resuminho da primeira parte.

Especial Dicas para Filmes (8)

10- Baseado em uma história verídica. Com essa chamada você convence até a sua mãe de assistir O Massacre da Serra Elétrica ou outras produções semelhantes. É como se o fato da história narrada ter sido vivenciada, em partes, por pessoas reais, desse um ar de seriedade à produção.

Especial Dicas para Filmes (9)

Este artigo é dedicado aos meus amigos que não gostam de filmes de terror e suspense, mas já assistiram, ao menos uma produção do gênero, comigo.

Caso você conheça alguma outra forma de convencer alguém a ver um filme do gênero, escreva nos comentários!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Filipe Falcão

Jornalista formado e Doutor em Comunicação. Fã de filmes de terror, pesquisa academicamente o gênero desde 2006. Autor dos livros Fronteiras do Medo e A Aceleração do Medo e co-autor do livro Medo de Palhaço.

3 thoughts on “10 Dicas para convencer alguém a assistir um Filme de Terror

  • 19/11/2014 em 17:33
    Permalink

    Eu adoro filmes se terror mas infelizmente nunca consigo assisti-los em paz pois, sempre tem uma pessoa me criticando e falando mal por causa dos filmes.Por isso eu gosto mais de ver sozinha e se possível dentro do meu quarto…

    Resposta
  • 12/05/2013 em 22:31
    Permalink

    infelizmente quem não curte filmes de terror não sabe o que está perdendo,mas eu nem perco meu tempo tentando convencer ninguem,o importante sou eu gostar deles.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.