Sexta Temporada de American Horror Story pode ter relação com o Slender Man

Slender Man pode ser a próxima história de horror americana
Slender Man pode ser a próxima história de horror americana

Após retratar assombrações, assassinos em série, vampiros, aberrações, aliens, nazistas, bruxas, zumbis e satanismo, a série American Horror Story pode estar se direcionando para lendas urbanas. Segundo o US Weekly, os produtores da série estariam interessados em comprar os direitos do personagem Slender Man, criado por Eric Knudsen em 2009 para uma creepypasta que foi sucesso absoluto na internet.

Slenderman é um personagem descrito como semelhante a um homem magro, anormalmente alto, com uma cabeça branca e inexpressiva e que veste um terno preto. Histórias do personagem comumente apresentam-lhe como um perseguidor ou sequestrador de pessoas, principalmente de crianças.

Considerando que todas as temporadas de American Horror Story misturaram diferentes temáticas, é possível que a sexta temporada seja focada em diferentes lendas urbanas. As creepypastas oferecem muitas opções criativas de horror, sem dúvida alguma. Mas, por hora, estes são apenas rumores.

Os produtores também estão empenhados em trazer Lady Gaga para a nova temporada, após o sucesso que lhe rendeu um globo de ouro em American Horror Story: Hotel. Já os fãs aguardam com expectativa um possível retorno de Jessica Lange.

Qual creepypasta vocês gostariam de ver representadas em American Horror Story?

(Visited 51 times, 1 visits today)
Daniel Rodriguez

Daniel Rodriguez

Belorizontino, professor de inglês, psicólogo de formação e fã do bizarro, do estranho, do surreal, do sanguinário e do monstruoso!

Um comentário em “Sexta Temporada de American Horror Story pode ter relação com o Slender Man

  • 30/01/2016 em 23:22
    Permalink

    As creepypastas sobre episódios sinistros e censurados das séries e desenhos animados dariam uma boa temporada de AHS. A Era Vitoriana também seria ótima inspiração pra uma temporada, assim como a literatura gótica de Edgar Allan Poe,mas Penny Dreadful já faz isso.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *