Críticas, Quadrinhos

The Long Yesterday (2014)

Uma trama mista de ficção científica e noir, digna de qualquer episódio de Além da Imaginação.

the-long-yesterday-2014-1

The Long Yesterday
Original:The Long Yesterday
Ano:2014•País:Brasil
Páginas:58• Autor:Osmarco Valladão, Manoel Magalhães•Editora: Independente

Timothy Lace O’Malley é um detetive particular durão, queixo quadrado, cigarro sempre aceso no canto da boca e um senso de humor amargo. Contratado para garantir que a atriz queridinha de um grande estúdio fique livre do seu namorado violento e perigoso para sua carreira, O’Malley está prestes a se envolver em uma trama mista de ficção científica e noir, digna de qualquer episódio de Além da Imaginação.

Ao chegar a sua casa, O’Malley encontra uma misteriosa carta no fundo de uma gaveta. A carta, deixada por uma ex-namorada, aparentemente vinda do futuro, salva a vida de nosso herói e o coloca em rota de colisão com uma poderosa agência capaz de viajar no tempo e alterar a realidade segundo os interesses dos poderosos capaz de pagar pelo serviço, a Intempol ou simplesmente, a Empresa.

Este é o mote de The Long Yesterday, HQ nomeada em homenagem a Raymond Chandler (autor do livro de ficção científica, The Long Goodbye) e ao gênio Moebius (autor de The Long Tomorrow) e escrita por Osmarco Valladão e ilustrada por Manoel Magalhães, baseada em no conceito da Intempol criado por Octavio Aragão.

O roteiro de Valladão e a arte brilhante de Magalhães conseguem misturar ficção científica, viagens no tempo e detetives durões em um cenário retrô, de maneira tão natural que todos estes elementos simplesmente parecem terem sido feitos para andarem juntos! A arte lembra uma mistura de Batman Animated Series e Tintin e a paleta de cores acrescenta certa brasilidade à mistura. A Hollywood do universo Intempol parece estar logo ali, virando a esquina. As frases de efeito de O’Malley são um show à parte.

The Long Yesterday foi publicada por aqui em 2005 pela Comic Store e, no ano seguinte, a pedido do editor Sidney Gusman, a dupla de autores da HQ original criou uma história curta de oito páginas para a revista Wizmania. Belvedere Blues mostra um dia comum na vida de Lace O’Malley. Ao contrário de The Long Yesterday, feita em tons mais cinza, verde e laranja, Belvedere Blues é toda em tons de azul, mantendo a qualidade da HQ original.

Em 2014, The Long Yesterday buscou apoio através da plataforma Catarse para uma segunda edição incluindo as duas histórias de Lace O’Malley, mas infelizmente, e inexplicavelmente, não decolou. Como agradecimento a todos os que apoiaram o projeto, Valladão enviou a todos um link para baixar o álbum completo em PDF.

Ficamos na torcida para que, um dia, esta segunda edição se concretize e venha a fazer parte da estante de todos os leitores que aguardam ansiosos novas aventuras do detetive mais durão de Hollywood.

É só questão de tempo.

Leia também:

Rodrigo Ramos

Rodrigo Ramos

Designer por formação e apaixonado por HQs e Cinema de Horror desde pequeno. Ao contrário do que parece ele é um sujeito normal... a não ser quando é Lua Cheia. Contato: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *