Críticas, Quadrinhos

Domingo Sangrento Domingo (2013)

Ignore a capa genérica. A HQ é uma divertida mistura entre western e terror!

Domingo Sangrento Domingo
Original:Domingo Sangrento Domingo
Ano:2013•País:Brasil
Páginas:48• Autor:Romeu Martins, Victor Vic•Editora: Estronho

Domingo, Sangrento Domingo é uma HQ meio complicada de se classificar. Com um misto de faroeste e terror, Romeu Martins (roteiro) e Victor Vic (arte) contam a história de uma prostituta que descobre uma pista que pode levá-la a um tesouro que mudaria a sua vida. Junto com um amigo escravo, ambos vão até uma caverna que promete riquezas, mas acabam encontrando algo muito diferente.

É difícil entrar em maiores detalhes sem estragar a surpresa, pois a história possui algumas reviravoltas interessantes, mudando o rumo e o tom da história, que sai do velho-oeste americano, passa por castelos europeus e outras passagens mais surpreendentes e malucas até o final da história.

Domingo Sangrento Domingo (2013) (1)

Romeu escreve uma história divertida e descompromissada que encontra a parceria ideal nos traços suaves e quase caricatos de Victor, que possui um estilo muito parecido com alguns quadrinhos europeus, embora sua diagramação esteja mais para o comic americano, dando à história o tom certo entre o humor e o terror.

Inicialmente, devo confessar que o desenho não me atraiu. A capa parecia algo meio saído direto da pior fase dos quadrinhos anos 90, mas o interior com seu quê de quadrinho europeu que me fez dar uma chance à história. Domingo, Sangrento Domingo fecha com um gancho que sugere possíveis continuações. Uma pena que, três anos depois de seu lançamento, a história pareça ter se encerrado por ali na primeira edição. A revista é muito divertida!

Leia também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *