Games

Daemonical permite ao jogador entrar na pele de alguém possuído

A confiança é opcional, a morte não é.

Jogar na pele de Jason Voorhees, Leatherface, Michael Myers ou Freddy Krueger tornou-se algo comum nos recentes games lançados… agora, já experimentou jogar na pele de alguém possuído? É isso que o game Daemonical proporciona ao jogador.

Ainda em fase Alfa de desenvolvimento, porém com sinal verde para ser disponibilizado na plataforma brasileira do Steam Greenlight, o game multiplayer envolve um grupo de cinco jogadores sendo ambientado em uma ilha deserta e remota, assombrada pela presença de um demônio.

Ao cair da noite, um dos jogadores é possuído tornando-se uma entidade demoníaca arrepiante que começa a perseguir na tentativa de abater o restante do grupo (OBS: todos os jogadores estão sujeito à possessão!).

O objetivo dos demais jogadores consiste então em percorrer e explorar a ilha coletando itens para completar um ritual de exorcismo do jogador possuído afim de enviar o demônio de volta ao Inferno.

No entanto, o demônio é uma criatura forte e com várias habilidades especiais, além de escalar árvores pode usar seus poderes para enganar os humanos, extinguir suas fontes de fogo e brincar com a mente deles para caçá-los.

Nos humanos o game é jogado na perspectiva de primeira pessoa e o jogador possuído é jogado no modo de terceira pessoa.

Além dos recursos de mapas, chat por voz e chamada de vídeo que permitem a comunicação dos jogadores perseguidos ao longo da ilha, você ainda poderá personalizar seu jogador escolhendo seu gênero, suas roupas, cores e símbolos para utilizar.

Confira o trailer do game:

Para mais informações, acesse o site da plataforma Steam Greenlight com o jogo ainda indisponível no Brasil, o site oficial do game Daemonical e a página no Facebook.

Leia também:

2 Comentários

  1. Ed

    Parece bom, criativo, ser possuído… ei, não escrevi isso, meus dedos estão teclando sozinhos ph’nglui mglw’nafh Cthulhu R’lyeh wgah’nagl fhtagn

    • Pat Mendes

      Hahahaha! 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *