Tim Curry espera que remake de It tenha final mais assustador

Enquanto alguns acham que a adaptação de It – A Coisa de 1990 é uma obra-prima dos horrores feitos para a TV, outros acham que ela simplesmente não se sustenta e talvez, na verdade, nunca tenha sido tão boa. Mas ambos os lados parecem pelo menos concordar que a batalha final com a aranha gigante deixou muito a desejar.

O próprio Tim Curry lembra da última luta de Pennywise sem muita saudade; em uma entrevista para o site Screen Geek, o ator disse que espera que o final do longa de Andy Muschietti tenha um final melhor, já que no final da minissérie Pennywise se transforma em uma aranha gigante e “isso não é muito assustador”.

Curry também falou sobre o trabalho de Bill Skarsgård, que dá vida ao novo Pennywise: “eu gosto muito do [Bill] Skarsgård, eu o acho muito esperto. Será interessante ver a cara de palhaço que ele traz à tona, pois não é uma expressão nada óbvia. Eu vi o trailer e você mal consegue vê-lo, eu estou fascinado, ele é muito bom”.

O novo Pennywise, que esperamos não se transformar em uma aranha gigante, chega aos cinemas brasileiros já nessa quinta-feira, dia 7 de setembro.

Leia também:

Laura Dourado

Laura Dourado

Jornalista, bailarina, estudante de história e amante irrecuperável de filmes de terror. Assiste todos os tipos possíveis, dispensando só os terríveis found footages.

5 comentários em “Tim Curry espera que remake de It tenha final mais assustador

  • 17/09/2017 em 15:57
    Permalink

    Mas essa forma verdadeira só deve ser mostrada no final ou seja, na parte 2. Espero que não tenha esta cena ta tudo tão bonito assim, não ridicularizem o filme please.

    Resposta
  • 05/09/2017 em 09:35
    Permalink

    Mas A Aranha é a verdadeira forma da Coisa. Isso está no livro.

    Resposta
    • 10/09/2017 em 08:19
      Permalink

      Sim! Estou justamente esperando que isso aconteça. Que venha a Aranha. Sem a Aranha, onde está a veracidade da adaptação do livro??????

      Resposta
    • 12/09/2017 em 04:32
      Permalink

      Bom, na verdade isso aí é de livre interpretação… No livro me parece óbvio que a Coisa escolhe facetas para conseguir emular alguma forma aterrorizante, porém “compreensível” a mente humana. Assim como o palhaço, o leproso e lobisomem são máscaras, a aranha também é. Na verdade, no meu entendimento da obra, a Coisa entraria na concepção do horror cósmico Lovecraftiano… Algo tão bizarro que foge a compreensão humana.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien