Shomer, novo longa do diretor Guillem Morales, encontra seu protagonista

0
(0)
Durante vigília, ocorrências inexplicáveis começam a acontecer com o corpo.
Durante vigília, ocorrências inexplicáveis começam a acontecer com o corpo.

Atualmente em fase de pré-produção, o thriller sobrenatural Shomer, dirigido por Guillem Morales (Os Olhos de Júlia), encontrou seu protagonista. Aneurin Barnard (foto, Citadel) viverá um homem escolhido para cuidar de um corpo até seu funeral, de acordo com antigas leis bíblicas.

Com roteiro de David Abram Nahmod, Shomer será produzido por Lawrence Bender (Bastardos Inglórios), Lauren Selig e Ray Ricord. “Guillem Morales é o diretor perfeito para Shomer, uma versão à la Polanski de O Exorcista, e os estamos felizes por ter Aneurin Barnard, um jovem ator tão comprometido, no papel principal”, afirmou Bender.

Shomer acompanha Isaac, um jovem escolhido para seu um shomer que, de acordo com antigas leis bíblicas, deve ficar com um corpo e recitar orações até o sepultamento final. Quando Isaac começa sua vigília com o corpo do Dr. Penner, ocorrências inexplicáveis começam a acontecer, fazendo com que tenha início uma investigação sobre a vida do médico que descobre um passado terrível, cheio de experimentações médicas cruéis. Isaac percebe que um poderoso mal possui o Dr. Penner, que não está descansando – e que ele não está mais sozinho com o corpo. Conforme a noite segue, Isaac deve confrontar suas próprias memórias assombradas para desafiar a força demoníaca determinada a destruí-lo.

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

(Visited 14 times, 1 visits today)

Silvana Perez

Escolheu alguns caminhos errados e acabou vindo parar na Boca do Inferno.

3 thoughts on “Shomer, novo longa do diretor Guillem Morales, encontra seu protagonista

  • 06/11/2013 em 22:59
    Permalink

    Os Olhos de Julia foi legal, espero que esse tbm seja

    Resposta
    • 07/11/2013 em 10:31
      Permalink

      Verdade, “Os Olhos de Julia” é sensacional !

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.