Wytches (2017)

Wytches (2014) (2)

Wytches
Original:Wytches
Ano:2014•País:EUA
Páginas:30• Autor:Editora: Image Comics

Tendo sua origem no meio dos quadrinhos durante os conturbados e polêmicos anos 90, a Image aos poucos se afastou daquela imagem de “muito visual e pouco conteúdo” e atualmente é dona de alguns dos melhores títulos dos quadrinhos no mercado americano. Entre os mais famosos estão The Walking Dead e Saga, mas a editora ainda possui uma enorme quantidade de pequenos quadrinhos de horror e ficção científica da melhor qualidade. Wytches, com certeza, é um destes títulos.

Wytches fez tanto sucesso nos EUA que, logo em sua primeira semana de publicação, os direitos de uma adaptação para o cinema foram vendidos para a New Regency que através de um acordo com a Plan B, produtora de Brad Pitt, pretende levar a HQ para as telonas. O entusiasmo com que os leitores receberam este gibi de horror, entre tantos outros, se deve, principalmente ao envolvimento de Scott Snyder, roteirista alçado ao status de astro dos quadrinhos graças ao seu run no título do Cavaleiro das Trevas pela DC.

Snyder já mostrou que entende de quadrinhos de terror escrevendo Vampiro Americano juntamente com Stephen King e o reboot de Monstro do Pântano, pelo selo independente da DC, a Vertigo e pela DC no começo dos Novos 52, respectivamente. Em Wytches, Snyder se une a JOCK, artista de Arqueiro Verde: Ano Um, e ao colorista Matt Hollingsworth, de Preacher, para contar a história da pacata família Rook, que tenta retomar a vida em uma nova cidade após um trágico caso de bullying envolvendo a jovem filha Sailor. Mas logo os Rook vão descobrir que nada do que aconteceu com eles é por acaso e serão pegos em uma trama bizarra e antiga envolvendo as bruxas da história.

Com uma abordagem diferente para as histórias de bruxas, Snyder transforma as velhas feiticeiras em forças da natureza, criaturas que habitam os bosques escuros dos Estados Unidos. Suas bruxas são criaturas milenares, oriundas de tempos ancestrais, antes da humanidade e suas poções e caldeirões dão lugar a garras, dentes e um desejo insaciável por sangue. A arte espetacular de JOCK casa perfeitamente com o roteiro denso e claustrofóbico de Snyder, mostrando as bruxas de Wytches como as criaturas grotescas e perigosas que são, e os cenários, tão ameaçadores quanto.

O único defeito de Wytches, se é que podemos chamar assim, são as cores excessivamente digitais de Hollingsworth. Algumas passagens carregam demais nos efeitos gráficos que contrastam negativamente com a ideia de Snyder de apresentar uma versão mais primitiva das bruxas. Efeitos mais focados em pinceladas de verdade e cores mais sóbrias talvez funcionassem melhor ao reforçar o clima pretendido da história.

A escolha de Wytches para integrar a trinca de estreia do selo de quadrinhos da DarkSide Books é certeira, apresentando uma vertente mais mainstream e moderna do horror, ao lado do j-horror de Fragmentos do Horror e o terror realista indie de Meu Amigo Dahmer, e entregando histórias em quadrinhos para todos os gostos. Trazendo história completa e recheado de extras, Wytches é mais um ótimo acréscimo para a gibiteca do leitor ávido por novidades no terror.

Ficou interessado? Compre Wytches com desconto clicando AQUI.

Leia também:

Rodrigo Ramos

Rodrigo Ramos

Designer por formação e apaixonado por HQs e Cinema de Horror desde pequeno. Ao contrário do que parece ele é um sujeito normal… a não ser quando é Lua Cheia. Contato: rodrigoramos@bocadoinferno.com.br

4 comentários em “Wytches (2017)

  • 21/12/2017 em 10:22
    Permalink

    Essa foi uma das grandes HQs que li este ano. Qualidade absurda!
    Antes de tudo, é a história de amor incondicional de um pai para um filho, fazendo com que o ser humano, movido por este amor primordial, siga até o inferno em busca da salvação de sua criança.
    Adorei e espero realmente ver essa obra de arte transformada em filme muito em breve.

    Resposta
    • 02/11/2015 em 22:20
      Permalink

      Por enquanto só importada mesmo. Mas vamos torcer pra alguma editora se interessar. O nome do Snyder costuma atrair leitores, então pode ser uma boa pedida pra lançamento no Brasil.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien