The Woman – Nem Todo Monstro Vive na Selva (2011)

The Woman (2011)
Qual é o sexo frágil?
The Woman - Nem Todo Monstro Vive na Selva
Original:The Woman
Ano:2011•País:EUA
Direção:Lucky McKee
Roteiro:Jack Ketchum, Lucky McKee
Produção:Robert Tonino, Andrew van den Houten
Elenco:Pollyanna McIntosh, Brandon Gerald Fuller, Lauren Ashley Carter, Chris Krzykowski, Sean Bridgers, Angela Bettis, Marcia Bennett, Shyla Molhusen, Gordon Vincent, Zach Rand, Shelby Mailloux, Tyler Merlini

Baseado em uma obra de Jack Ketchun, que assina o roteiro junto com o diretor Lucky Mckee (May: Obsessão Assassina e A Floresta). The Woman retrata a sociedade e seu comportamento frente a uma situação inusitada, espelhando a história em uma “típica” família americana.

Chris Cleek (Sean Bridgers) é o chefe autoritário desta família, que se mostra aparentemente normal durante um churrasco entre amigos. A rotina da família muda quando Chris encontra na floresta uma mulher selvagem (Pollyana McIntosh), sequestra-a e a prende no porão com o intuito de “civilizá-la”. A família, submissa ao patriarca, nada faz senão aceitar, e quando sua esposa Belle tenta questionar logo é censurada com um tapa na cara.

Com o desenrolar da trama, vemos as reações de cada personagem diante da situação: Chris é quem se dispõe a educar a Mulher, porém seus métodos são piores do que os utilizados para adestrar um cachorro, submetendo-a a todo tipo de humilhação desde comer no chão, até ser “limpa” com jatos d’água, além de sofrer abusos e torturas de Chris e seu filho. Sua filha adolescente Peggy fica em situação complicada, sempre com medo do pai, tem que aceitar as imposições em relação a mulher, e esconder que está grávida. O filho Brian tenta sempre impressionar e vai se tornando um pequeno sádico. Já a pequena Darlin acompanha tudo como se fosse normal, já que sua inocência deturpa sua visão do que está acontecendo. Sua esposa parece estar sempre em estado catatônico, mas não aguenta a pressão, e desmorona frente a situação.

The Woman (2011) (3)

A trama lembra outra de Jack Ketchun, The Girl Next Door, baseada em uma história real, sobre uma adolescente órfã que foi vítima de torturas e abusos por quase toda a família de sua tutora. Enquanto em The Girl Next Door, a garota não tinha forças para reagir, aqui a Mulher Selvagem vai guardando com rancor tudo o que sofreu; vemos isso em seu olhar de ódio, e em sua primeira oportunidade não vai hesitar em vingar de quem lhe fez mal.

Algumas atuações podem soar fracas e o início amênico pode desanimar, mas o roteiro constrói um clima de tensão crescente, onde sabemos a merda que vai dar, quando Chris ignora as consequências de seus atos – suas “boas ações” em civilizar a mulher são distorcidas por seu comportamento em relação as mulheres em geral, assim como seu filho que segue seus passos…porém tudo isso está prestes a explodir ainda mais quando outro terrível segredo da família se revelar.

Menos chocante do que The Girl Next Door, a desconstrução da família americana é novamente mostrada aqui; vemos uma imagem por fora, cheia de sorrisos e bens materiais, mas vemos também o comportamento egoísta de uns e negligente de outros em uma sociedade “civilizada”, onde infelizmente sabemos o quão cruel o ser humano pode ser, seja por suas ações, ou pela falta delas.

N.E.: The Woman é uma continuação do filme de 2009 Offspring, de Andrew van den Houten, onde a personagem da Mulher é apresentada juntamente com sua família canibal, acentuando o retrato da sociedade machista, vista pelo lado inverso.

(Visited 523 times, 2 visits today)
Ivo Costa

Ivo Costa

Estudante de Cinema, fez parte do Juri Popular do Cinefantasy em 2011. Além de crítico do Boca do Inferno, atua como diretor e roteirista de curtas-metragens.

8 comentários em “The Woman – Nem Todo Monstro Vive na Selva (2011)

  • 30/04/2018 em 16:57
    Permalink

    Lixo, lixo, lixo maior perda de tempo da minha vida, simplesmente odiei.

    Resposta
  • 15/05/2016 em 02:00
    Permalink

    Muito bom, esse filme. Tensão crescente e desfecho louco e sangrento, porém, coerente, ao contrário do que se lê em certos comentários.

    Resposta
  • 17/01/2016 em 04:05
    Permalink

    Filme horrível a mãe não deveria morrer, a mulher tem uma filha canibal então quer dizer que manteve relação,a pistola do pai some ,e a mulher é canibal e sabe usar um facão tá foda filme feio sem pé nem cabeça

    Resposta
  • 25/04/2015 em 23:38
    Permalink

    Na minha opinião, não tem NADA que se aproveite nesse filme…
    Mal dirigido, péssimas atuações, fora que a temática do filme não soa absurda, mas do jeito que assistimos se torna algo completamente absurdo TODA a história apresentada…
    Muito fraco

    Resposta
    • 01/09/2015 em 10:38
      Permalink

      Concordo plenamente! Filme horrível,história sem pé nem cabeça… Detestei! Posso definir como o pior filme que já vi.

      Resposta
  • 21/05/2013 em 09:44
    Permalink

    filmaço,e olha que eu não dava nada pra ele.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP-Backgrounds Lite by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann 1010 Wien